Assine

Acne felina é uma doença sutil mas frequente na clínica de gatos

Muitas vezes, problema passa despercebido pelo proprietário

Gatos são animais discretos e podem apresentar doenças que começam, da mesma forma, de maneira imperceptível. Um exemplo disso é a acne felina. Doença bastante comum na clínica médica felina, mas que, por vezes, só é percebida pelo clínico quando já está em fase avançada. 

As primeiras apresentações são, na maioria das vezes, tão pequenas que mal podem ser vista. Tal problema é, segundo a médica-veterinária, especializada em Medicina Felina do Centro Veterinário Pet Care e Clínica Veterinária Evet (ambos em São Paulo/SP), Renata Beccaccia Camozzi, caracterizada como um distúrbio folicular que pode manifestar como comedos ou até furunculoses cutâneas. “Costuma se manifestar de forma difusa por todo o queixo do gato, mas outras regiões também podem ser acometidas, menos comumente”, comenta a profissional. 

O médico-veterinário pode receber, na clínica, animais com diferentes manifestações da doença, como explica Renata Beccaccia Camozzi. “Cada animal pode apresentar diferentes graus, desde os mais leves, em que há apenas discretas lesões, até feridas mais graves que chegam até a sangrar, geralmente causadas pelo próprio gato ao se coçar ou passar a pata na região. No entanto, não há uma classificação padronizada”, pontua. 

Continue lendo na edição de abril da C&G VF. Clique aqui.

umponto
Edição nº 224 está disponível na íntegra, em revistacaesegatos.com.br (Foto: C&G VF)

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD. 

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.