Assine

CFMV recebe indicações de profissionais para homenagens

Veterinários e zootecnistas podem concorrer a importantes prêmios

Nomes de profissionais da Medicina Veterinária e Zootecnia podem ser indicados até o dia 30 de julho para concorrer aos prêmios Paulo Dacorso Filho e Octávio Domingues. A homenagem é prestada pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV, Brasília/DF) desde 1977 a médicos-veterinários e zootecnistas que, com seus trabalhos, prestaram relevantes serviços ao País. 

Os vencedores dos prêmios recebem uma placa, um bóton especial e uma medalha. Médicos-veterinários de todas as regiões do País já receberam a homenagem.  

cfmv
Segundo o CFMV, prêmios são considerados os
mais importantes da Medicina Veterinária e
Zootecnia brasileira (Foto: reprodução)

Qualquer pessoa física ou jurídica (pública ou privada) pode indicar um nome. Segundo o artigo 3º da resolução que aprova o estatuto do Prêmio, "as indicações deverão ser acompanhadas de memorial e documentos comprobatórios, que serão analisados e julgados pelo Plenário do CFMV". 

Os currículos, os memoriais e toda a documentação que comprove a carreira dos indicados são submetidos à avaliação dos conselheiros do CFMV em Sessão Plenária. “Estes são os mais importantes prêmios da Medicina Veterinária e Zootecnia brasileira, outorgados anualmente pela maior entidade da profissão no País”, afirma o presidente do CFMV, Benedito Fortes de Arruda. 

O nome do prêmio Paulo Dacorso Filho é uma homenagem ao médico-veterinário Paulo Dacorso Filho, que dedicou sua carreira às principais causas da Medicina Veterinária e do CFMV, do qual foi integrante. Como professor, lecionou em instituições do Rio de Janeiro, Bahia e Rio Grande do Sul. Publicou cerca de 70 artigos científicos e ocupou diversos cargos em respeitadas instituições. 

Já o prêmio Octávio Domingues é uma homenagem a Octávio Domingues, autor de diversos estudos de importância para o desenvolvimento da Zootecnia no Brasil. Ele foi o primeiro professor de Zootecnia da Escola Superior de Agricultura do Pará, em 1918. Lecionou a disciplina ‘Zootecnia Geral’ na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, onde cursou a graduação. Mais tarde, passou a professor catedrático de Zootecnia Especial da Escola Nacional de Agronomia, hoje Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (Ufrrj, Seropédica/RJ).

Fonte: CFMV, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.