Assine

Coordenadores de curso comemoram acreditação

Excelência pelo CFMV inaugura o rol de representantes do ensino no País

O primeiro ciclo da Acreditação dos Cursos de Medicina Veterinária realizada pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV, Brasília/DF) trouxe reconhecimento aos cursos de três Instituições de Ensino Superior no mês de dezembro: a Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Botucatu; a Universidade Federal de Lavras (UFLA); e a Universidade de São Paulo (USP).

Para as três IES, o reconhecimento representa um passaporte de sucesso para a credibilidade nacional e internacional no ensino da Medicina Veterinária.  O certificado será entregue pelo presidente do CFMV, Benedito Fortes de Arruda, em reunião na próxima semana.

“Estamos muito felizes com esse trabalho espetacular executado pelo CFMV e com a oportunidade que nos foi dada. É uma cadeia que se inicia e dará a chance para muitas escolas se beneficiarem”, acredita o diretor da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP, José Antonio Visintin. O profissional ainda elogiou o processo de avaliação realizado pela Comissão Nacional de Educação da Medicina Veterinária (Cnemv/CFMV). Segundo ele, os apontamentos realizados durante a visita são positivos e muitos deles já foram incorporados pela USP. “A criação de uma comissão de pedagogia com o objetivo de preparar melhor os professores de Medicina Veterinária é um exemplo”, ressaltou.

ENSINO-VET-REPRODUCAO

A acreditação do CFMV vem certificar confiança em cursos de Medicina Veterinária (Foto: reprodução)

A Unesp de Botucatu foi uma das IES participantes da fase experimental da Acreditação, quando o instrumento de avaliação construído pelo CFMV foi testado e aperfeiçoado. “Ficamos muito felizes por termos sido acreditados, pois pudemos comprovar a seriedade do processo e o profissionalismo por parte dos avaliadores que aqui estiveram”, afirma a coordenadora do curso de graduação da Medicina Veterinária, Cláudia Valéria Seullner. Ela lembra que a acreditação não é só da instituição, mas também dos profissionais. “Eles irão carregar o título em sua formação e isso os torna mais competitivos no mercado de trabalho, beneficiando também toda a população”, pontua.

A acreditação como forma de comprometimento com os recém-formados e com a sociedade também foi destacada pela coordenadora do curso de Medicina Veterinária da UFLA, Suely de Fátima Costa. “Nos preocupamos muito com os profissionais chegando no mercado e até que ponto estão preparados para atuar. Essa é mais uma maneira de mostrar quais os cursos estão bons e quais ainda precisam melhorar. Quem está em uma zona de conforto vai querer passar por esse processo”, diz. A coordenadora considera as avaliações como essenciais para os cursos. “Muitas vezes nosso olhar está viciado, por isso é importante esse olhar externo. Acredito que os cursos já acreditados irão motivar e servir de desafios para outras”, menciona.

Fonte: CFMV, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.