Assine

Campanha inglesa pede proibição do uso de fogos de artifício

#BangOutOfOrder é uma iniciativa realizada pela RSPCA

Com a chegada da temporada de festas, o uso de fogos de artifício preocupa especialistas e tutores de animais de companhia. Pensando no bem-estar dos pets, a Royal Society for the Prevention of Cruelty to Animals (RSPCA) lançou uma nova campanha, a #BangOutOfOrder, que pede a proibição de uso do material em alguns eventos no Reino Unido.

A organização que tem como objetivo proteger os pets do stresse e ansiedade causados pelo uso do sinalizador, informou que todos os anos o uso o material festivo acarreta centenas de chamadas e pedidos de ajuda. De acordo com os dados divulgados pela mesma, 62% dos cães revelam sinais de stresse durante as explosões, uma percentagem que chega aos 54% no caso dos gatos e aos 55% no caso dos cavalos. 

Após um caso ser vinculado pela imprensa internacional, onde uma cadela da raça Terrier, com 18 semanas, morreu de ataque cardíaco durante os rebentamentos de fogos, massivamente compartilhado nas redes sociais, foi gerada uma petição online pedindo a revisão da lei local que permite o uso dos fogos.

Atualmente o documento conta com cerca de 500 mil assinaturas, o que obriga o parlamento britânico a colocar o assunto em discussão. Segundo publicação realizada pelo portal Veterinária Atual, é possível que o parlamento proíba a venda de fogos de artifício e restrinja o uso privado em festas tradicionais, como a noite de Guy Fawkes, a véspera de Ano Novo, o Ano Novo Chinês e Festival das Luzes (Diwali).

Fonte: Veterinária Atual, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.