Assine

Canil em SP é investigado por aplicar remédios vencidos em animais

Administração dos produtos foi presenciada durante uma vistoria no local

O Canil Municipal de Santa Isabel (SP) está sendo investigado após denúncias de aplicação de medicamentos vencidos em animais. A investigação está sendo realizada pela Polícia Civil, após denúncia de um vereador da cidade que compareceu ao local para uma vistoria, na última terça-feira (29).

O parlamentar Gabriel Bendito da Silva esteve acompanhado de uma médica-veterinária e protetora dos animais para verificar a situação. O vereador decidiu ir até o local após tomar conhecimento das reclamações sobre o serviço prestado.

"Lá tinha medicamento vencido desde 2016. Eram diversos tipos e nenhum deles dentro da validade", conta o vereador. No canil também havia uma orientação no painel para os funcionários lavarem as seringas para que fossem reutilizadas. "A gente flagrou as seringas já utilizadas guardadas dentro da geladeira", afirma.

A visita ocorreu durante a manhã de terça-feira e no período da tarde, após denunciar a situação, a Polícia Civil e agentes da Promotoria foram até o local e a metade dos medicamentos já tinha sido retirada de lá e escondida dentro de uma kombi, onde estava armazenada a ração, segundo o vereador.

remedio_vencido

Prefeitura solicitou a readequação do espaço em acordo às
normas sanitárias e a interdição do local
para os próximos dias (Foto: reprodução)

Todo o material foi apreendido e o caso foi registrado como crime ambiental com a natureza de praticar ato de abuso a animais. “Agora vamos cobrar, via Câmara, esclarecimentos à Prefeitura, que pediu oito dias para deixar o canil funcionando com tudo certo. Por enquanto, ele fica fechado", salienta o vereador.

A prefeita da cidade, Fábia Porto, também visitou o local e acompanhou o levantamento das condições e determinou algumas medidas, entre elas, a readequação do espaço em acordo às normas sanitárias e a interdição para os próximos dias. Durante o período de adequação, segundo a prefeitura, serão implantados protocolos, normas, rotinas para uso de medicações e outros insumos destinados aos animais. Os tratamentos e cuidados especiais com os animais em observação continuarão normalmente.

Os funcionários que prestam serviço no Canil Municipal passarão por treinamentos e serão readequados os protocolos para uso de medicamentos. Novas estratégias também serão traçadas para atender as necessidades do local e melhor acomodar os animais.

Fonte: G1, adaptado pela equipe Cães&Gatos.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.