Assine

Crescimento do e-commerce impacta produtos destinados a pets

Reabastecimento automatizado garante o fornecimento ágil de produtos

Os consumidores se sentem, cada vez mais, sob pressão constante para realizar suas atividades, segundo o estudo Lifestyle Survey da Euromonitor International realizado em 2017, tornando o tempo uma commodity crucial para eles. Duas principais razões que os levam a realizarem compras on-line são economia de tempo e dinheiro. Os varejistas estão reconhecendo isso e aproveitando de diversas tecnologias para reinventar a experiência do consumidor, tanto online quanto off-line. 

A Euromonitor International estima que 3,6 bilhões de pessoas estão conectadas à internet no mundo em 2018; isso equivale a 48% da população global. Espera-se que essa taxa aumente para 76% da população global até 2030. A relevância deste crescente nível de conectividade não pode ser ignorada. 

Essas mudanças nas preferências dos consumidores são visíveis na seleção de canais de vendas para os produtos dos animais de estimação. A rápida ascensão do e-commerce prejudicou as vendas da maioria dos canais físicos tradicionais. A amplitude de ofertas de produtos, a facilidade de comparação de preços e as recomendações de outros consumidores sobre os produtos são alguns dos principais fatores que impulsionam o crescimento do e-commerce. Isso, geralmente, é combinado com entrega gratuita. 

Modelos de reabastecimento automatizado estão prontos para transformar o cenário de varejo de ração animal uma vez que esta categoria é uma das mais desagradáveis de se comprar, pois, muitas vezes, envolve levantar e transportar sacos de ração pesados e volumosos. Logisticamente, a entrega de ração por meio de assinaturas é conveniente uma vez que a entrega do alimento é realizada diretamente ao domicílio do consumidor em intervalos regulares. 

Acesse a edição de novembro e leia o artigo completo.

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD. 

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.