Assine

Estudo explica a expressão facial dos cães e como ela nos conquista

Pets encontraram uma forma mais rápida para tocar nossos corações

Como podemos descrever o encantamento que os pets provocam nos seres humanos? Talvez dizendo que eles nos hipnotizam com suas peripécias e fazem nosso coração bater mais rápido a cada carícia. Foi exatamente o que a Universidade de Portsmouth, da Inglaterra, em parceria com o Centro de Nutrição e Bem-Estar Animal Waltham, parte da Mars Petcare, atestaram em estudos realizados. 

Pesquisadores testaram a capacidade de cães, que estavam para adoção, de alterar suas expressões faciais e, assim, chamar atenção de possíveis novos tutores. Um aspecto curioso estudado pelos cientistas é que os cães, em determinado momento, perceberam que, ao variar a musculatura da parte interna de suas sobrancelhas, seus olhos ficavam maiores e adquiriam um olhar mais entristecido e isso atraia mais a atenção dos humanos. Segundo os pesquisadores, nossa preferência por pets com essa expressão é porque nos remete à feições mais infantis. 

Uma ferramenta foi desenvolvida pelos pesquisadores de ambas as instituições e ela consegue analisar de uma forma bem prática a famosa “carinha de dó” que alguns cães fazem quando humanos se aproximam. Ela foi nomeada de ‘DogFACS’, que, em tradução livre, seria Sistema de Codificação de Ações Faciais para Cães. Em resumo, ela decodifica e identifica as expressões faciais e musculares dos cães e suas alterações, nos ajudando a entender a evolução que os pets tiveram em relação à comunicação e interação humano x animal. 

A pesquisa foi realizada com 27 cães que estavam à espera da adoção e foi medido o momento exato em que um humano se aproximava e a mudança na feição dos cachorros. O “olhar de coitadinho” deu certo – o olhar foi decisivo para os futuros tutores na hora da adoção. 

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.