Assine

Estudo levantando por ONG analisa diminuição de animais silvestres

De acordo com os resultados, população caiu 53% desde 1970

Com o crescente número de animais silvestres em risco de extinção, a ONG World Wide Fund for Nature (WWF) levantou um estudo quantitativo sobre a população de animais que vivem em florestas. De acordo com os resultados, a população desses animais caiu pela metade desde 1970.

Com causas como desmatamento, caça ilegal, doenças e mudanças climáticas, foram analisadas 455 populações de 268 espécies de mamíferos, répteis, anfíbios e pássaros, o que resultou num declínio de 53% na quantidade de animais vertebrados entre 1970 e 2014.

 Segundo os dados, 60% dessas perdas estão relacionadas ao desmatamento e à degradação drástica do habitat. A caça, a introdução de espécies invasoras, a disseminação de doenças e a mudança climática também contribuíram para o quadro.

A ONG aponta que a situação é particularmente crítica na Amazônia, a perda de população das espécies estudadas superou o crescimento de todos os grupos somados e em outras florestas tropicais, tendo analisado também populações de florestas temperadas, boreais e mediterrâneas. 

No caso do Brasil, a WWF menciona a derrubada de árvores por madeireiros como principal causa da diminuição da população de animais, mas queimadas também tiveram efeitos duradouros sobre várias espécies.

O estudo possui o intuito de salientar a importância de manter essas populações e locais saudáveis, para que metas globais de conservação da biodiversidade sejam atingidas.

As florestas são importantes depósitos de carbono e fornecem outros serviços ecossistêmicos vitais, incluindo alimentos, medicamentos, materiais, purificação de água, controle de erosão e reciclagem de nutrientes. E mais de um bilhão de pessoas dependem das florestas para sua subsistência

Fonte: Agência Brasil, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.