Assine

Músicas podem trazer benefícios para o atendimento de felinos

Sejam elas eruditas ou específica para gatos, diminuem o estresse

Um estudo intitulado “Efeitos da música no comportamento e resposta fisiológica ao estresse de gatos domésticos em uma clínica veterinária” afirma que a música específica para gatos pode beneficiar estes animais, diminuindo os níveis de estresse e aumentando a qualidade dos cuidados em ambientes clínicos veterinários. Ou seja, torna uma consulta clínica menos estressante para o animal. 

A médica-veterinária membro da American Association of Feline Practitioners, Victoria Pereira Cavalcante, acredita que, assim como foi visto no estudo, a música pode reduzir o estresse dos felinos na rotina clínica. “Com isso, torna o atendimento dos gatos mais tranquilo. Esse efeito não ocorre exclusivamente nos animais, na verdade, a música erudita pode causar os mesmos benefícios aos seres humanos, assim, os tutores e a equipe veterinária podem apresentar redução do estresse e tornarem-se mais calmos o que pode interferir positivamente no atendimento do gato”, conta. 

Segundo ela, estudos em seres humanos indicam que a música erudita ou para gatos têm como característica promover relaxamento. “Isso ocorre porque os ritmos mais baixos promovem a redução da frequência cardíaca, pressão arterial e o cortisol nas pessoas. Enquanto que, músicas como heavy metal aumentam a agressividade. Portanto, é possível que a música erudita cause nos gatos os mesmos efeitos que ocorrem nos seres humanos e, por essa razão, eles relaxam tanto com esse estilo musical”, argumenta. 

Victoria acredita que seria interessante ter, nas clínicas, música relaxante para os gatos. “Inclusive, o uso de música ambiental é recomendada para o manejo Cat Friendly. Visto que ela pode diminuir o estresse, medo, ansiedade e agressividade nos gatos, evitado, portanto, a agressão contra a equipe veterinária e seus tutores”, declara. 

Leia a matéria completa na edição de abril da C&G VF. Acesse aqui

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD. 

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.