Assine

Novo tipo de implante facilita reparação de fraturas ósseas

I-loc acrescenta maior estabilidade ao membro danificado

Nem todas as fraturas ósseas podem ser reparadas com facilidade ou com os métodos convencionais. Com isso, uma nova opção tem sido utilizada por especialistas em ortopedia, o I-loc.

O implante, de acordo com a professora assistente em clínica de cirurgia ortopédica no Hospital de Ensino Veterinário em Urbana, Illinois, nos Estados Unidos, Danielle Marturello, acrescenta muita estabilidade ao membro fraturado. O objeto conta com uma grande haste intramedular que tem quatro furos, onde parafusos são enroscados transversalmente para estabilizar a região de necessidade.

Para o melhor posicionamento do objeto, é utilizado um software, chamado OrthoView, responsável por determinar o tamanho do I-Loc para cada paciente, já que muitos dos ossos fraturados podem estar partidos em diferentes pontos. “Outra caraterística agradável do I-Loc é que, normalmente, não precisa de ser removido”, afirmou a especialista. No entanto, em reduzido número de casos, podem ocorrem infeções, fazendo com que seja feita a remoção do objeto, exigindo atenção médica.

O procedimento foi realizado pela especilista em um cão atropelo por caminhão. O animal  que sofreu fratura fechada e cominutiva (em mais de dois fragmentos) no alto do osso, teve o movimento impossibilitado, impedindo que a  pata traseira esquerda pudesse se apoiar. Pelo tipo de lesão, a utilização do gesso ou parafusos tiveram de ser abordadas, pois poderiam comprometer a saúde do animal.

De acordo com a ortopedista, ao considerar o método que seria melhor para o paciente, o foco foi preservar a estrutura e a integridade dos ossos, músculos e vasos sanguíneos, enquanto proporcionavam uma construção estável durante o processo de cura. Com o novo tipo de implante, “dois dias depois da cirurgia, o cachorro estava de pé e caminhando”, afirmou Danielle. 

Fonte: Veterinária Atual, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD. 

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.