Assine

Problemas articulares tendem a se agravar durante o inverno

Segundo veterinário, tutores devem redobrar atenção aos sinais de desconforto dos animais

Com a chegada do inverno, estar atento aos problemas articulares dos pets é essencial para manter a qualidade de vida dos mesmos. Neste período do ano, tais inviabilizadores tendem a surgir, principalmente nos animais idosos.

De acordo com o médico-veterinário e analista de desenvolvimento de produtos da Vetnil Kauê Ribeiro da Silva, complicações pré-existentes, como traumas e displasias, também são fatores de risco e entre as principais doenças articulares, destacando a osteoartrose, que gera dor crônica e acomete em torno de 20% dos cães e gatos em geral.

Para o veterinário, como forma de evitar problemas mais graves, é fundamental que seja realizado um acompanhamento veterinário desde os primeiros sinais apresentados pelos pets. “Com as consultas, o profissional poderá inclusive recomendar uma terapia preventiva, além de outras medidas como exercícios físicos de leve intensidade e controle de peso, caso o animal apresente sobrepeso”, afirma o profissional.

Dentre os sinais apresentados pelos cães com dor crônica em decorrência de doenças articulares, estão as alterações de comportamento, atrofia muscular, dificuldade de caminhar e se movimentar, letargia e também, os pets tendem a lamber constantemente as articulações acometidas. “Já os gatos costumam apresentar maior irritabilidade, menor tolerância ao contato (como nos momentos de escovação ou carinho), mudança dos locais usuais de descanso, além de diminuirem a interação com o dono e a ingestão de água e comida”, explia o médico veterinário.

Ainda segundo ele, ao se observar algumas dessas manifestações, “é fundamental que o tutor leve o animal ao veterinário para que seja realizado um diagnóstico correto e tratamento adequado. A dor crônica é muito prejudicial à saúde dos pets, assim como à nossa, e se torna mais difícil de tratar quanto mais tempo se leva para iniciar a terapia", informa Ribeiro.

Como também pontua o analista, a realização de exercícios físicos leves é muito recomendada, já que a ação eleva a temperatura corporal e melhora a circulação sanguínea, “o que ajuda a diminuir a contração muscular e auxilia na reversão dos processos que causam dores musculares e articulares.

Produtos que auxiliam nos cuidados do seu pet. Também pensando no problema, a Vetnil possui alguns produtos que podem auxiliar no tratamento de cães e gatos acometidos por problemas articulares, como o Condroton, que atua na causa primária das enfermidades articulares, indicado para o tratamento de artropatias em geral, doenças tendíneas, pós-operatório de cirurgias articulares, prevenção de doenças osteoarticulares e também pode auxiliar em casos de fratura. O medicamento possui a versão injetável, indicada para cães e gatos, e em comprimidos, indicado para cães.

Outro produto é o Geripet, um suplemento formulado especialmente para suprir as principais demandas nutricionais de cães e gatos com idade mais avançada, possuindo nutrientes específicos para uma melhor qualidade de vida de animais idosos. Disponível em frascos com 30 comprimidos.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.