Assine

Profissional dá dicas para evitar que um cachorro seja atropelado

Veterinário explica os cuidados necessários para evitar qualquer acidente

Há muitos casos de animais abandonados, como também há muitos tutores que deixam seus pets darem as famosas “voltinhas por aí”. Essa atitude implica em muitos riscos para a vida do animal, como brigas, doenças e até acidentes. A adoção de cães evita que mais animais sofram com atropelamentos que, em alguns casos, podem ser fatais. 

Vai passear com o cachorro? O tutor, então, não deve esquecer de levar a coleira para que o pet não escape. Mas, antes de soltá-lo, deve ter certeza que ele não correrá para longe. Praticar a guarda responsável de animais pode salvar a vida do animal. 

Castrar cães é um cuidado importante, que também pode evitar o atropelamento e é a melhor escolha para quem quer garantir longevidade e qualidade de vida para seu pet. A castração do animal ajuda a deixá-lo mais tranquilo e reduz as chances de fuga, dentre outros benefícios que envolvem a sua saúde. 

“Caso encontre um cão atropelado, ligue para uma clínica veterinária e peça ajuda para profissionais capacitados e que já estão acostumados a lidar com esse tipo de situação. Somente um veterinário poderá examinar, identificar e estabilizar a dor do cão atropelado. Quanto mais cedo ele receber o tratamento adequado, mais rápida será a recuperação!”, orienta o médico-veterinário das rações Ciclos, da Total Alimentos, Marcello Machado. 

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.