Assine

Série do Animal Planet desvenda os bastidores de zoo de Nova York

Câmeras acompanham o trabalho para manutenção de biomas reproduzidos no local

No meio da metrópole, entre prédios, tráfego aéreo e trânsito intenso, há um oásis da vida selvagem que, desde o século XIX, abriga aves, répteis, mamíferos, peixes e anfíbios das mais variadas e exóticas espécies: o zoológico do Bronx. Localizado na cidade de Nova York, o local é lar de cerca de seis mil animais e ocupa área de mais de 100 hectares. 

A partir do dia 03 de agosto, às 19h40, o Animal Planet estreia a terceira temporada de “O Zoológico” (The Zoo). A atração proporciona acesso a bastidores jamais mostrados ao público e documenta o trabalho incansável que mantém o zoológico em funcionamento. 

Nascimento de filhotes, cirurgias, procedimentos emergenciais, esforços para pesquisa e reprodução em cativeiro, além das tarefas corriqueiras: a rotina é mostrada de perto pela série em episódios que salientam o papel fundamental do zoológico para o surgimento de uma nova consciência ambiental em uma das regiões mais urbanizadas do mundo. 

Referência na preservação das espécies que abriga, o zoológico do Bronx não possui jaulas – em vez de encarcerados, os animais habitam biomas gigantescos que reproduzem seus habitats de origem. Para manter esses locais funcionando nas condições ideais para os bichos, o zoológico conta com uma grande equipe de veterinários e tratadores: são mais de 500 funcionários que trabalham para gerar interesse pela preservação da vida selvagem nos visitantes e em toda a comunidade.  

No episódio de estreia da nova temporada, a equipe do zoológico enfrenta dificuldades para desmamar um filhote de leão-marinho. Na área destinada às aves, a equipe ampara um filhote de mutum rejeitado pela mãe e um macaco-de-cheiro vai ao dentista. 

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.