Assine

Segundo IPB, região Sudeste concentra maior quantidade de pets

Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo são responsáveis por 47,52% dos animais do País

Não é novidade que o Brasil é um dos países com maior quantidade de animais de companhia do mundo. No entanto, a fim de identificar em quais regiões brasileiras eles são mais presentes, o Instituto Pet Brasil (IPB) realizou um levantamento.

De acordo com o IPB, com números referentes a 2019, os Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo “concentram praticamente metade dos pets do País, mais exatamente 47,52%”

“Um quarto da população pet do Brasil está no Estado de São Paulo. Os Estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro aparecem em segundo e terceiro lugar, respectivamente, com 9,1% e 8,9%. O Espírito Santo concentra 1,8%. São Paulo e Minas Gerais também são os Estados mais populosos quando contabilizados somente cães e aves”, explica o levantamento realizado pelo Instituto.

Em comparativo com 2018, a quantidade de pets no Brasil saltou de 139,6 milhões de animais para 141,6 animais. Ascensão, que segundo o presidente-executivo do Instituto Pet Brasil, Nelo Marraccini, está ligada ao comportamento social atual.

"O que esses números nos mostram é que o hábito de possuir um animal de estimação em casa está intimamente ligado ao cotidiano das famílias, justamente porque acompanham a densidade demográfica humana. Quando pensamos nos pets hoje em dia, é muito mais comum associarmos os animais à companhia que proporcionam. Você pode até ter um cão que guarda seu quintal, mas também o trata como membro da família", afirma Marraccini.

Fonte: IPB, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Comissões de Educação debatem ações para melhorar o ensino

Pesquisa: WSAVA quer entender os impactos da Covid-19 na Veterinária

Questionário testa conhecimento sobre Cannabis medicinal 

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.