Assine

Veterinários estão no topo da lista de profissionais que cometem suicídio

É preciso atenção, pois uma das causas pode ser a Síndrome de Burnout

Um estudo, realizado na Inglaterra, apontou que médicos-veterinários possuem quatro vezes mais chances do que a população geral e o dobro de chances de outros profissionais da área de saúde de tirarem a própria vida. 

Um dos motivos que tem elevado esse número é o fato desses profissionais apresentarem a chamada Síndrome de Burnout. Segundo o psicólogo, mestrando pelo Programa de Pós-graduação de Psicologia Clínica da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), Vitor Hugo Costa, ela é compreendida como uma síndrome psicológica oriunda da exposição prolongada aos estressores do ambiente de trabalho. 

A pessoa que sofre com esta síndrome apresenta, segundo ele, exaustão física, emocional e falta de vigor. Além disso, a pessoa afetada com o Burnout acaba por sentir-se improdutiva, menos importante e pouco realizada com sua atuação profissional.

Leia a reportagem completa sobre o tema na edição de novembro da C&G VF. Clique aqui.

fardo
Reportagem está disponível na edição nº 219, em revistacaesegatos.com.br

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD.

2 comentários
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.
Oliveira Alva 2 anos atrás
Ótima edição
Glaucio Pereira de Assis 2 anos atrás
A questão do suicídio está ligado ás profissões de maior impacto por estresse. Vários estudos internacionais provam que o policial, bombeiro, enfermeiros, motoristas estão no topo das categorias sujeitos a pressões constantes. Na área da veterinária, principalmente de produção animal é zero!

A PHP Error was encountered

Severity: Core Warning

Message: PHP Startup: Unable to load dynamic library '/opt/alt/php-fpm56/usr/lib/php/extensions/no-debug-non-zts-20131226/imagick.so' - libMagickWand.so.5: cannot open shared object file: No such file or directory

Filename: Unknown

Line Number: 0

Backtrace: