Assine

Tumores em gatos podem ser diagnosticados tardiamente

Isso porque a espécie pode ocultar os sinais de algumas doenças

Apesar das neoplasias em felinos serem menos prevalentes, elas se concentram em menos tipos histológicos, em geral, mais agressivos, com reduzida influência dos determinantes raciais, etários e sexuais. O diagnóstico, muitas vezes, é tardio, pelo próprio temperamento do animal, que tem a tendência de ocultar as doenças. 

Entretanto, os gatos toleram os tratamentos oncológicos, relativamente melhor do que as outras espécies, desde que os procedimentos possam ser realizados com os cuidados essenciais ao paciente, respeitando as diferenças anatômicas fisiológicas, terapêuticas e comportamentais. 

Em comparação às outras espécies, observa-se que as neoplasias em gatos, concentram-se em poucos tipos histológicos, em geral, mais agressivos, com destaque para as neoplasias hematopoiéticas, neoplasias da pele e do tecido conectivo, e glândula mamária. 

Leia agora o artigo completo na edição de setembro da C&G VF.

gato cancer
Artigo completo está disponível na edição de setembro em revistacaesegatos.com.br

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.