Assine

Viagem internacional com o pet deve ficar mais rápida e barata

Plataforma desenvolvida pelo MP deve reduzir gastos públicos em R$ 13 bi

As viagens internacionais ficaram mais fáceis para quem costuma levar seu pet. Isso porque o Certificado Veterinário Internacional (CVI) passou a contar com uma autorização digital em todo o País. Além de mais econômico, o documento também é emitido mais rápido, em média levam 48 horas. A plataforma foi desenvolvida pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP).

A validade da certificação é de apenas uma viagem. A previsão é que os gastos com essas despesas caíam 86%, gerando uma economia ao setor público de R$ 13,5 milhões ao ano. Para os usuários a redução deve ser de R$ 5,2 milhões anualmente.

O gasto atual para quem deseja levar o pet é de R$ 1.476,41 entre a solicitação, serviços veterinários (vacinas e testes nos animais), entrega da documentação e retirada da autorização. Com a automatização do processo o usuário deve gastar R$ 956,18.

A normativa para trânsito de animais de estimação é uma das maiores fontes de acesso ao site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). Em média, 10 mil pessoas solicitam o CVI anualmente.

comoeraficou

Governo investiu R$ 467 mil no projeto e prevê retorno em 13 dias de funcionamento do sistema (Foto: divulgação)

Fonte: MAPA, adaptado pela equipe Cães&Gatos.

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.