in

ANTI-INFLAMATÓRIOS VETERINÁRIOS PODEM RETARDAR O NOVO CORONAVÍRUS

Não são inibidores muito potentes, mas estudo pode ser ponto de partida para novas descobertas

Não são inibidores muito potentes, mas estudo pode ser ponto de partida para novas descobertas

Carprofeno e celecoxib, dois medicamentos anti-inflamatórios, foram identificados como possíveis inibidores da replicação do coronavírus SARS-CoV-2, segundo um estudo realizado pelo grupo de investigação Química e Nutrição da Universitat Rovira i Virgili (URV), na Espanha.

Os resultados do estudo foram publicados no International Journal of Molecular Sciences, o primeiro a ser publicado, a nível mundial, sobre o reposicionamento de medicamentos como inibidores de uma enzima-chave para o coronavírus.

De acordo com notícia publicada pela Animal’s Health, os investigadores utilizaram técnicas informáticas para prever se algum dos 6.466 medicamentos, autorizados por várias agências de medicamentos para uso humano e veterinário, poderiam ser utilizados para inibir a enzima M-pro.

Essa enzima é a protéase, responsável pelo corte de dois polipéptidos, um tipo de molécula produzida pelo próprio vírus e que gera proteínas essenciais para a sua reprodução. De acordo com o estudo, sete dos quase 6.500 medicamentos analisados podem inibir essa proteína-chave na replicação do vírus e, consequentemente, impedir a sua replicação.

Os resultados obtidos com as sete moléculas foram partilhados com a iniciativa internacional Covid Moonshot, que selecionou duas, o carprofeno e o celecoxib, para testar in vitro a sua capacidade de inibir a principal protéase do vírus, a tal enzima M-pro.

Os resultados obtidos mostram que uma concentração de 50 µM (micromol/litro) de celecoxib tem uma capacidade de 11,9% para inibir a atividade do M-pro e do carprofeno, 4%. Não se trata de inibidores muito potentes, mas o estudo indica que os compostos podem ser utilizados como ponto de partida para conceber derivados com maior capacidade.

Espera-se, ainda, que as cinco moléculas restantes sejam selecionadas em breve pelo projeto Covid Moonshot para serem testadas.

Fonte: Veterinária Atual, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

REPRODUÇÃO

CENTRO CULTURAL SPECIAL DOG DOA MAIS DE QUATRO MIL MÁSCARAS

REPRODUÇÃO

EQUIPE JURÍDICA ESPECIALIZADA PODE AUXILIAR MÉDICOS-VETERINÁRIOS