in

BRASIL É O PRIMEIRO PAÍS A RECEBER O ALIMENTO POMERANIAN DA ROYAL CANIN

O lançamento já está disponível em pet shops e atende às necessidades da raça

O lançamento já está disponível em pet shops e atende às necessidades da raça

Cláudia Guimarães, em casa

[email protected]

Você já deve ter ouvido a expressão “você é o que você come”, no sentido de que aquilo que você escolhe para nutrir o seu corpo reflete, diretamente, em sua saúde e bem-estar. Isso não é diferente para os gatos e cães. A precisão nutricional para cada pet faz muita diferença em sua qualidade de vida e longevidade.

É por isso que a qualidade de vida do animal, conforme explica a médica-veterinária e gerente de Comunicação Científica da Royal Canin Brasil, Dra. Natália Lopes, está diretamente ligada à nutrição oferecida a ele, podendo, até mesmo, influenciar seu comportamento. “Um gato e um cão bem alimentados, no sentido literal da expressão, podem ter menos chances de desenvolver uma série de doenças de natureza gastrointestinais, cutâneas e relacionadas à obesidade, por exemplo”, aponta.

Ranking das raças mais registradas em 2019 mostraos cães da Pomerânia como os mais registradosno Brasil (Foto: divulgação)

Os cães da raça Pomerânia apresentam algumas sensibilidades específicas, dentre elas, a dental, como explica a Dra. Natália: “Os dentes de leite, frequentemente, persistem quando nascem os permanentes, o que provoca o acúmulo de resíduos alimentares e bactérias na boca do cão ainda jovem”. Outra sensibilidade, de origem genética, desta raça é o deslocamento da articulação do joelho (luxação de patela), que pode predispor o cão à lesão de ligamento e artrite. “O fato de possuir uma pelagem densa pode fazer com que a pele perca umidade, provocando seu ressecamento e a perda do brilho dos pelos. Por fim, devido ao seu porte miniatura, possuem tendência à constipação intestinal (fezes mais duras e ressecadas)”, conta.

Pensando em atender às necessidades nutricionais desta raça, que é cheia de particulares, a Royal Canin lançou o alimento Pomeranian Adult e a Dra. Natália conta um pouco sobre a novidade: “Disponível na versão seca e úmida (sachê), é indicado para cães adultos e maduros, a partir dos 8 meses de vida, e possui um croquete adaptado para a mandíbula pequena da raça Pomerânia, auxiliando na saúde dental”, descreve.

Ela destaca que sua fórmula é exclusiva e oferece suporte aos ossos e articulações do animal. “Ajuda na saúde digestiva, melhorando a consistência das fezes, além de possuir ácidos graxos essenciais que beneficiam a saúde da pele e pelagem. O alimento úmido auxilia, ainda, na saúde do trato urinário, uma vez que proporciona maior ingestão de água”.

Por que essa raça? Dra. Natália menciona que, segundo o ranking das raças mais registradas em 2019, divulgado recentemente pela Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), Pomerânia foi a mais registrada no País. “Sabendo das particularidades da raça e com a crescente demanda local, a Royal Canin viu a necessidade de lançar um produto direcionado a estes cães, expandindo a linha Breed Health Nutrition, que atende às necessidades nutricionais dos cães de raças, e escolheu o Brasil para ser o primeiro País a lançar a novidade no mercado mundialmente”, revela e informa que o lançamento já está disponível nos pet shops de todo o Brasil.

A Royal Canin acredita que saúde é única para cada raça e, sendo assim, leva isso muito a sério, focando na alimentação adequada de cada pet. “Em muitos casos, se o pet já inicia a vida com uma nutrição específica às suas necessidades, ele apresentará menos chances de desenvolver algum quadro clínico durante a vida. A nutrição é a resposta para muitos dos problemas enfrentados e relacionados à saúde dos pets”, salienta a médica-veterinária.

A marca também ampliou o portfólio de alimentos paraoutras duas raças: Yorkshire Terrier 8+ na versão secae o alimento úmido Shih Tzu (Foto: reprodução)

Qualidade de vida em 1º lugar. Assim, oferecer saúde por meio da nutrição é o compromisso da empresa. “O alimento para raça é o que existe de mais preciso nutricionalmente para um animal de raça, uma vez que considera suas particularidades e pré-disposições ao desenvolvimento de certas doenças ao longo da vida”, pondera. O portfólio para cães da linha Breed Health Nutrition, com alimentos para raças, oferece nutrição específica para: Pomerânia, Shih Tzu, Yorkshire Terrier, Golden Retriever, Labrador Retriever, Pug, Dachshund, Boxer, Bulldog Inglês, Bulldog Francês, Pastor Alemão, Maltês, Schnauzer, Poodle e Rottweiler.

Além do lançamento de Pomeranian, a marca também ampliou o portfólio de alimentos para raças com duas outras novidades: Yorkshire Terrier 8+, na versão seca, indicado para cães da raça com mais de 8 anos, e o alimento úmido (sachê) Shih Tzu, que pode ser combinado com o alimento seco ou mesmo oferecido sozinho como um alimento completo e balanceado.

Segundo a Dra. Natália, toda a ciência aplicada na linha específica para raças é desenvolvida no Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Royal Canin, localizado em Aimargues – sul da França, em estreita colaboração com médicos-veterinários e criadores de raças, para que cada alimento atenda com a máxima precisão nutricional as características e sensibilidades de cada raça.

Mas, vale lembrar que, antes de oferecer um novo alimento aos gatos e cães, é indicado sempre buscar a recomendação de um veterinário de confiança para saber qual é a melhor opção de alimento para o pet. “Este profissional poderá ter uma visão ainda mais particular, levando em consideração a condição de saúde e estilo de vida daquele momento da vida do animal. O veterinário também atua como um importante agente disseminador de informações seguras sobre nutrição e realiza um papel importante na educação dos tutores”, frisa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

REPRODUÇÃO

IMUNIZAÇÃO CONTRA LEISHMANIOSE É ESSENCIAL EM CÃES DE ÁREAS ENDÊMICAS

REPRODUÇÃO

ABORDAGEM ADAPTADA PARA GATOS É ESSENCIAL NO ATENDIMENTO