Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Pets e Curiosidades

Evento na zona norte de São Paulo impulsiona a cultura de doação de sangue entre pets

Por Equipe Cães&Gatos
doação de sangue
Por Equipe Cães&Gatos

O Cachorródromo, parque indoor localizado no bairro da Vila Guilherme, zona norte de São Paulo, entre os dias 10 e 11 de setembro, será o dog point a promover a doação de sangue pet. O evento ressalta a importância da proteção e cuidados de saúde aos animais de estimação que necessitam deste tipo de ajuda. Essa tarefa é um enorme desafio diário, pois o sangue é fruto da doação voluntária de sangue e ainda não existe cultura de doação regular de sangue em nosso País, tanto de humanos quanto de animais. 

- PUBLICIDADE -

Intitulado com o nome “Doe Amor”, a ação acontece na zona norte de São Paulo e conta com a parceria da Special Dog. A empresa do ramo alimentício possui 21 anos de mercado e conta com uma parceria com mais de 60 bancos de sangue do Brasil, para captação de doadores pets. 

“Iremos distribuir amostras de ração da nossa linha Prime (Super Premium) e sachês para todos que passarem no stand e os mimos iremos distribuir para todos os cães que se cadastrarem nos pets nos bancos de sangue. Eles poderão ganhar comedouros, canetas, chaveiro e bolinhas.”, destaca a fundadora do Cachorródromo, Karen Fujiwara.

Os tutores e visitantes que passarem pelo stand terão a oportunidade de obter orientação sobre doação de sangue pet. Inclusive, o Desafio do Super Cão, que é a atração tradicional do parque indoor. Em destaque aos fins de semana segue cedendo espaço para adoção de pets que buscam um lar. Em caso de adoção, o transporte é por conta dos tutores. Os cães estão vacinados, castrados e não há taxa de cobrança. 

(Foto: divulgação)

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Veterinária nutróloga comenta casos de intoxicação de cães após consumirem petiscos

Estudo mostra que esgotamento profissional causa prejuízo na indústria veterinária

Telemedicina Veterinária: profissionais opinam sobre pontos positivos e negativos da prática

Compartilhe este artigo agora no