in

HÁBITOS HUMANOS PODEM INFLUENCIAR DE FORMA NEGATIVA A SAÚDE DOS PETS

Relação entre tutores e animais passa a companhia e chega à área nutricional

Relação entre tutores e animais passa a companhia e chega à área nutricional

A obesidade humana é, atualmente, considerada um problema de saúde pública que atinge milhares de pessoas ao redor do mundo, independente de sexo, raça e idade. E quando falamos em obesidade não limitamos apenas a humanos, mas, também, animais de companhia que sofrem da mesma condição que os seus proprietários. 

A relação entre homem x animal tende a ser harmoniosa visto que animais domésticos, tais como cães e gatos, trazem benefícios ao homem, em especial crianças, idosos, pacientes doentes e solitários. Entretanto, essa relação entre animal e homem nem sempre é harmoniosa, uma vez que o ser humano acha necessidade de igualar o seu comportamento com o do animal de estimação, compartilhando o comportamento social, alimentar e psicológico. 

É de extrema importância reduzir o fornecimento de doces, petiscos e restos de alimentos de consumo humano para esses pets, já que esses alimentos colaboram com um acréscimo calórico na dieta. 

Algumas alterações recorrentes por conta da obesidade são mencionadas em artigo da edição de fevereiro da C&G VF. Leia aqui.

nutricional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PRESIDENTE DO CFMV RECEBE VISITA DE DEPUTADO FEDERAL, EM BRASÍLIA (DF)

FATURAMENTO DA ZOETIS NO BRASIL FOI DE US$ 300 MILHÕES, EM 2017