in

CRMV-PR possibilita cadastro de profissionais para atuação voluntária em gestão de desastres

Iniciativa tem como foco médicos-veterinários e zootecnistas

Em busca de apoio, Comissão de Gestão de Riscos de Animais em Desastres (CEGRADE) do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Paraná (CRMV-PR), instituída em fevereiro deste ano, inicia processo de cadastro. Iniciativa tem como foco os profissionais e acadêmicos de Medicina Veterinária e zootecnia interessados na atuação voluntária em desastres.

“A expectativa é que os voluntários se envolvam nas atividades de resposta para a diminuição dos danos aos animais, agindo em conformidade com as diretrizes do CRMV-PR, e atuem como multiplicadores da importância da inserção da questão animal na gestão de desastres”, aponta a médica-veterinária membro da CEGRADE com experiência em resgate de fauna em áreas portuárias, Letícia Koproski.

Em publicação oficial do Regional, o grupo entende que médicos-veterinários e zootecnistas têm capacitação técnica para atuar em todo o ciclo do desastre, desde a prevenção até a mitigação e o resgate, devendo assim ser mais valorizados e ter participação mais efetiva nas frentes de atuação juntamente com as instituições públicas e demais órgãos respondedores.

Ficou interessado? Para saber mais e até mesmo preencher o formulário de cadastro, clique aqui.

Fonte: CRMV-PR, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Aproximação de brasileiros com cães e gatos é algo cultural e remete às necessidades passadas

Médico-veterinário destaca os malefícios do consumo de chocolate por pets

Chefe do Setor de Fiscalização fala da importância do protagonismo feminino na Veterinária

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Novidade: Site do CFMV, agora, pode ser lido em inglês, espanhol e visualizado em Libras

Atualização de guia tem como foco fases de vida dos gatos domésticos