in

MANEJO CORRETO É CAPAZ DE RETARDAR EVOLUÇÃO DA DOENÇA RENAL CRÔNICA

Qualidade de vida do animal é beneficiada e expectativa de vida aumenta

A doença renal crônica (DRC) é um distúrbio comum em animais idosos. Em casos de insuficiência progressiva, os rins perdem a capacidade e concentração da urina. A DRC ocorre quando a unidade funcional do órgão (o néfron) deixa de exercer sua função. Isso significa que o fósforo do sangue não é mais excretado de maneira adequada, gerando a hiperfosfatemia. 

Embora o dano aos rins seja irreversível, é possível retardar a evolução da doença renal crônica e melhorar a qualidade e, consequentemente, a expectativa de vida de cães e gatos. 

O segredo está no manejo nutricional durante este período de vida do animal com o fornecimento do tipo certo e exato de alimento coadjuvante por meio da combinação de baixo conteúdo de fósforo, nível adaptado de fontes proteicas de boa qualidade e ácidos graxos essenciais. 

As dietas possuem ampla variedade de perfis aromáticos e texturas para garantir a palatabilidade e aceitação excepcionais, até mesmo pelos pacientes mais exigentes. 

Saiba mais sobre as dietas recomendadas a estes animais na edição de março da C&G VF.

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS PODE BENEFICIAR ALUNOS DE VETERINÁRIA

AVES PODEM SER ACOMETIDAS POR FUNGOS PRESENTES EM FRUTAS