Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Inovação e Mercado

Manual aborda estrutura necessária para estabelecimentos veterinários

Documento traz informações sobre os serviços que cada estabelecimento deve oferecer aos animais de pequeno porte e aos seus tutores
Por Equipe Cães&Gatos
manual
Por Equipe Cães&Gatos

Visando esclarecer as diferenças entre os tipos de estabelecimentos médico-veterinários de atendimento a animais de estimação de pequeno porte e os requisitos necessários para a estruturação de cada serviço, o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo (CRMV-SP) lança o manual “Estruturação de Estabelecimentos Médico-Veterinários”, que traz orientações sobre a Resolução CFMV nº 1.275/2019.

O cumprimento da norma, que tem como foco as boas práticas médico-veterinárias, deve ser observado pelos responsáveis por ambulatórios, consultórios, clínicas e hospitais veterinários. Diante das dúvidas mais frequentes relacionadas ao tema, o Conselho preparou material informativo para auxiliar os profissionais.

O manual apresenta informações gerais sobre as condições de funcionamento dos estabelecimentos, com tabelas, esclarecimentos e legislação complementares (Foto: divulgação)

“O manual apresenta, de forma didática, informações gerais sobre as condições de funcionamento dos estabelecimentos, com tabelas, esclarecimentos e legislação complementares, considerações sobre fluxo sanitário, higienização e acabamento/revestimento de estruturas, assim como observações sobre plano de gerenciamento de resíduos e substâncias controladas, além de exemplo de planta baixa de setor cirúrgico. Tudo isso com o objetivo de contribuir com os profissionais para a garantia da qualidade dos serviços prestados”, explicam as médicas-veterinárias da Coordenadoria Técnica do CRMV-SP, Anne Pierre e Alessandra Karina, e o diretor Técnico do Regional, Leonardo Burlini.

De acordo com o presidente da autarquia, Odemilson Donizete Mossero, os médicos-veterinários ganham com o material, pois terão base sólida para constituírem ou adequarem seus estabelecimentos, contando, inclusive, com check-lists utilizados pelos fiscais do Regional para a conferência de requisitos mínimos.

“Apresentamos um manual descomplicado à classe e reafirmamos a necessidade do médico-veterinário se manter atualizado, planejando e definindo ações que melhorem a qualidade dos serviços prestados à saúde pública e animal. Ganha, sobretudo, a sociedade, que terá clareza sobre os serviços que podem ser realizados em cada um dos locais”, afirma Mossero.

O conteúdo está disponível para consulta na Plataforma do CRMV-SP, na aba “Central de Conteúdos”, submenu “Publicações” – “Guias e Manuais”, e poderá ser folheado ou baixado pelos profissionais. “Esperamos que a publicação sirva de apoio aos médicos-veterinários e a todos os demais interessados e que colabore para a elevação da qualidade do atendimento profissional e compreensão sobre a importância do cumprimento das normas”, complementa Leonardo Burlini.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães e Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Catarata é uma das principais causas de perda de visão em cães e gatos

Anticorpos presentes nas vacinas podem proteger cães e gatos de doenças fatais  

Sal aumenta a pressão dos pets? Confira mitos e verdades sobre alimentação

Compartilhe este artigo agora no