Cães e gatos logo

Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Pets e Curiosidades

Médica-veterinária dá dicas de como transportar animais de estimação em segurança

Por Equipe Cães&Gatos
transporte
Por Equipe Cães&Gatos

Muitas vezes, cães e gatos são considerados membros da família por seus tutores. O sentimento se estende ao cuidado com eles. Com as festividades de Natal e Ano Novo chegando, é comum encontrar pets viajando em aeroportos ou de carros. Para oferecer mais conforto e segurança durante o trajeto, os responsáveis pelos animais podem seguir dicas simples e indispensáveis. 

Para melhor comodidade na caixa de transporte, é interessante ir adaptando o animal aos poucos antes da primeira viagem (Foto: reprodução)

Segundo a professora do curso de Medicina Veterinária do Centro Universitário Maurício de Nassau (Unissau Recife-PE, campus Graças), Thaiza Tavares, a melhor forma de transportar os animais é na caixa de transporte e verificar se está bem preso no cinto de segurança. “Para melhor comodidade, é interessante ir adaptando o animal aos poucos antes da primeira viagem. Atualmente também existem cadeirinhas para pets, que comportam pesos de até 10kg e ficam no banco dos carros. É uma opção interessante caso tenha uma pessoa atrás para ir acompanhando o pet”, ensina. 

Ainda de acordo com a veterinária, é interessante colocar uma coleira peitoral no animal. “Não aconselho a coleira cervical porque, caso exista algum acidente ou parada brusca, elas podem provocar enforcamento. Para quem vai passar pelo aeroporto, é bom verificar se o pet pode ir dentro do avião ou se vai precisar ir em um local separado. Importante pedir informações sobre essa instalação, se tem ventilação e se vai ficar confortável”, explica. 

Quem tem bicho de estimação também deve prestar atenção à temperatura do carro, principalmente se o animal for peludo. Outra dica importante é procurar restaurantes e lugares que aceitam pets durante as paradas para comer ou ir ao banheiro. “Também recomendo que leve água e ofereça, caso seja uma viagem mais longa. Também separe a mala com brinquedos, comida e todo o material que o animal precisa para se sentir confortável no destino final”, conclui Thaiza.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Médica-veterinária fala sobre as confraternizações e o hábito de presentear com um animal de companhia

Estudo da FMVZ-USP sugere que rações úmidas prejudicam mais o meio ambiente do que secas

Gatos: urina fora da caixa de areia é um comportamento que pode indicar problemas

Compartilhe este artigo agora no