Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Pets e Curiosidades

PÁSSARO COM DOIS SEXOS É ENCONTRADO NOS ESTADOS UNIDOS

PÁSSARO COM DOIS SEXOS É ENCONTRADO NOS ESTADOS UNIDOS Condição rara faz com que animal seja metade macho e metade fêmea
Por Equipe Cães&Gatos
Por Equipe Cães&Gatos

Condição rara faz com que animal seja metade macho e metade fêmea

Apaixonada por pássaros, a norte-americana Shirley Caldwell colocou no quintal de sua casa alimentadores para as aves. Há 25 anos, ela observa os animais que ali pousam para se alimentarem, e um destes momentos uma espécie foi descoberta.

A plumagem metade vermelha e metade cinza chamou sua atenção. O animal era exatamente de duas cores, divido milimetricamente ao meio. A surpresa veio ao descobrir que não só suas cores eram dividas, mas também seu gênero. O cardeal era metade macho e metade fêmea.

Isso acontece devido a uma condição conhecida como ginandromorfismo bilateral, o animal apresenta parte do corpo com características masculinas e outra parte com características femininas. Casos como este, apesar de raros, não são novidade.

O ornitólogo Daniel Hooper declarou à revista National Geographicexplicou que essa condição pode acontecer em qualquer tipo de ave, mas fica mais fácil identificá-la quando, numa mesma espécie, machos e fêmeas apresentam plumagens de cores diferentes — no caso dos cardeais, os machos têm penas avermelhadas e as fêmeas apresentam plumagem acinzentadas.

cardealave

Espécies com características dos dois sexosgeralmente são inférteis (Foto: reprodução)

Essa condição não é vista em mamíferos, já que a determinação do sexo biológico ocorre de forma diferente. Nas aves, os machos que têm duas cópias do mesmo cromossomo (ZZ), enquanto as fêmeas têm uma de cada (ZW), oposto do que é visto em mamíferos.

O esperado seria que um passarinho fêmea gerasse duas células-ovo: uma apenas com o cromossomo Z e outra apenas com o cromossomo W. Quando uma mesma célula-ovo feminina se desenvolve com os dois cromossomos (Z e W) e é duplamente fertilizada por espermatozóides, surge o ginandromorfismo.

O passarinho encontrado na Pensilvânia pode ser uma exceção na questão da fertilidade. “Este pode ser fértil porque seu lado esquerdo é feminino, e apenas o ovário esquerdo das aves é funcional”, explica Daniel.

Fonte: Revista Galileu, adaptado pela equipe Cães&Gatos.

Compartilhe este artigo agora no