in

PESQUISA APONTA QUE HUMANOS SAEM DA SOLIDÃO COM A CHEGADA DE UM PET

Ter um animal de companhia faz toda a diferença e melhora a vida social

Ter um animal de companhia faz toda a diferença e melhora a vida social

A Mars Petcare (EUA) encomendou à OnePoll (Reino Unido), empresa especializada em pesquisas, um estudo sobre o impacto dos pets na vida de pessoas que se dizem solitárias ou sobrecarregadas no trabalho.  

Os resultados mostraram que 33% dos entrevistados se descrevem como “socialmente isolados” e, especialmente entre os adultos, sentir confiança é algo raro, já que alegam ter apenas duas pessoas em quem podem, realmente, confiar. 

Há inúmeros fatores apontados como gatilhos para esse isolamento, mas destaca-se a dedicação excessiva ao trabalho – 32% dos entrevistados revelaram que horas extras foram prejudiciais à sua vida pessoal – e o exagero no uso das redes sociais – 25% das pessoas admitiram que grande parte de suas interações sociais acontece on-line. 

A pesquisa também descobriu que os entrevistados se sentem sozinhos, em média, sete dias por mês, que seis em cada 10 pessoas apresentam ansiedade social e mais de 75% evitam a completa socialização. Além disso, 44% acham que o ser humano está menos amigável do que era há apenas cinco anos, 75% acreditam que as pessoas estão se tornando mais distantes uma das outras, em comparação às gerações anteriores e um em cada seis entrevistados admite que se preocupa mais com o que os outros pensam sobre ele do que há cinco anos atrás. 

No entanto, os animais de estimação parecem fazer toda a diferença: 21% das pessoas que possuem gatos e cães disseram se sentir sozinhas, em comparação aos 32% dos que não tem animais de estimação. 

De acordo com o executivo da Mars Petcare, Deri Watkins, os animais de estimação podem fazer parte da solução para a crescente questão da solidão. “Somos extremamente apaixonados pelo assunto e essa pesquisa mostra a diferença tangível que nossos amigos caninos e felinos podem fazer na vida das pessoas solitárias”, declara. 

Aqueles que possuem um cão ou gato revelaram que ter um pet faz toda a diferença e impulsiona a vida social: 82% dos tutores entrevistados se sentiram menos sozinhos ao receber um animal; Quatro em cada cinco entrevistados disseram que o sentimento de isolamento desapareceu um mês depois do pet passar a fazer parte de suas vidas; seis em cada 10 pessoas entrevistas relataram que o pet é seu companheiro mais próximo; 85% dos entrevistados disseram que seu animal faz a casa um lugar mais feliz para se morar; Mais de 50% das pessoas entrevistadas atribuem ao pet um novo senso de propósito para suas vidas; 50% dos entrevistados tutores de cães têm mais probabilidade de conversar com pessoas que não conhecem quando caminham com o pet; 62% dos entrevistados que possuem um cão disseram que fazem mais exercício. 

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAMPANHA #LIVREDAPICADA, DA OUROFINO PET, GANHA NOVA EDIÇÃO

PROGRAMA DA MSD PROPORCIONA WORKSHOP DE ATUALIZAÇÃO EM DIABETES