in

CFMV entregou prêmios de reconhecimento a Zootecnista e Médico-Veterinário

Prêmios Paulo Dacorso e Octávio Domingues foram entregues no Amazonvet

O Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) entregou os prêmios Professor Paulo Dacorso Filho e Professor Octávio Domingues, edição 2020, durante a cerimônia de abertura do III Congresso dos Médicos-Veterinários da Amazônia Legal (Amazonvet), realizada na última quarta-feira (27) em São Luís, capital do Maranhão.

O Prêmio Professor Paulo Dacorso Filho é concedido a médicos-veterinários pelos relevantes serviços prestados à ciência veterinária e ao desenvolvimento agropecuário do País. Na edição de 2020, Médico-Veterinário Antônio Felipe Wouk, foi um dos contemplados. Com experiência em Clínica e Cirurgia Animal, com ênfase em Oftalmologia, Antônio é pós-doutor em Oftalmologia Veterinária pela Escola de Veterinária de Alfort, da França.

Professor titular aposentado da Universidade Federal do Paraná, profissional atua em estudos da qualidade do ensino da Medicina Veterinária e processos de acreditação, e foi consultor ad hoc da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) sobre o tema. Antônio também é consultor da Comissão Nacional de Avaliação do Ensino Superior (Conaes) para processos de acreditação de cursos no sistema ARCU-SUL e foi secretário-geral do CFMV, na gestão de 2011 a 2014, e integrante da Comissão Nacional de Educação da Medicina Veterinária, na gestão de 2015 a 2017.

“O Prêmio Paulo Dacorso foi concedido pela primeira vez no ano em quem me graduei (1977) e, 43 anos depois, sou o primeiro médico-veterinário do Paraná a receber a premiação. Tenho gratidão aos que me antecederam, meus professores, a quem fez a caminhada comigo e meus alunos. Tendo a educação e o ensino como a minha principal atuação profissional, recebo a comenda com uma responsabilidade ainda maior com a Medicina Veterinária para honrar esse reconhecimento”, comentou.

Prêmio Octávio Domingues

O zootcnista Afrânio Gonçalves Gazolle, do Maranhão, foi agraciado com o prêmio Octávio Domingues em 2020. O profissional realizou relevantes serviços ao desenvolvimento agropecuário do Brasil.

Doutor em Zootecnia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), Afrânio é professor adjunto da Uema, responsável pelas cadeiras de equinocultura e preparo e julgamento de animais domésticos em exposições. O mesmo tem experiência na área de Zootecnia, com produção e conservação animal, além, é jurado efetivo da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) e inspetor das Associações Brasileiras dos Criadores de Cavalos da Raça Paint Horse, da Quarto de Milha, da Appaloosa; e da raça de gado Limousin.

“Por estarmos num estado bastante pobre, é uma premiação muito importante pela significância nacional e internacional, que prestigia e alegra os nossos alunos e os demais profissionais da Zootecnia”, enfatizou.

Em forma de agradecimento o profissional explicou que o prêmio é o fruto de um trabalho realizado com muitos parceiros de diversas áreas, entre colegas zootecnistas, médicos-veterinários, agrônomos e os técnicos agrícolas. “Foi um trabalho feito a muitas mãos, com a colaboração de todos. Se tive sucesso, devo a todos que me ajudaram a conseguir esse reconhecimento” concluiu.

Fonte: CFMV, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Incidentes recentes com animais em voos domésticos ligam alerta dos tutores

Artigo lembra: trato gastrointestinal saudável, pet saudável

Graduandos apresentam propostas para participação do CRMV-SP no projeto Puraa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

halloween animais

Mars dá dicas de brincadeiras com petiscos para o halloween dos animais de companhia

doenças em Ferrets

Artigo aponta as principais emergências que afetam a saúde dos Ferrets