Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Destaques, Marketing e Produtos

Quais são e quando usar os diferentes métodos de alimentação para o paciente crítico?

Quadros de anorexia e hiporexia precisam de manejo nutricional correto para resultados positivos
Por Equipe Cães&Gatos
alimento
Por Equipe Cães&Gatos

Durante um bom tempo dentro da própria conduta médica se acreditava que, ao se sentir “melhor” dos sintomas da doença, o paciente crítico voltaria a comer. No entanto, estudos científicos demonstram que o fornecimento de energia e nutrientes para animais internados está correlacionado à melhora do prognóstico e alta hospitalar, enquanto a manutenção desses animais em jejum está altamente relacionada à morte do paciente. (Brunetto, M. A. et al., 2010). Portanto, estar atento à uma abordagem nutricional adequada ao longo do tratamento do paciente é fundamental. 

Para o correto manejo dos quadros de anorexia e hiporexia, além de um alimento adequado, é imprescindível saber quando utilizar os diferentes métodos de alimentação. 

O WSAVA instituiu que pacientes críticos devem receber suporte nutricional após 5 dias de anorexia ou hiporexia, podendo-se utilizar diferentes métodos de nutrição assistida. Confira no algoritmo a seguir quais fatores considerar antes de eleger o método de alimentação. 

(Imagem: divulgação/Adaptado de Larsen, J. A., 2016)
Produto foi formulada segundo os conceitos nutricionais mais avançados para auxiliar na recuperação de pacientes internados, anoréticos ou hiporéticos (Foto: divulgação)

Além do manejo alimentar, que pode mudar dependendo da condição e das particularidades do paciente, também é imprescindível a utilização de alimento rico em gordura e proteína. Fórmula Natural Vet Care Recuperação foi formulada segundo os conceitos nutricionais mais avançados para auxiliar na recuperação de pacientes internados, anoréticos ou hiporéticos. Além de sua alta densidade energética, que favorece o aporte calórico ideal em um menor volume de alimento, e sua textura adequada que facilita a alimentação via sonda, Fórmula Natural Vet Care Recuperação oferece ainda diferenciais que atendem aos tutores que buscam por um alimento coadjuvante sem conservantes artificiais e livre de ingredientes transgênicos. Para saber mais sobre este assunto clique aqui.

BIBLIOGRAFIA:

Larsen, J. A. (2016) ‘Enteral Nutrition and Tube Feeding’, in Fascetti, A. J. and Delaney, S. J. (eds) Applied Veterinary Clinical Nutrition. 1st edn. Wiley-Blackwell, pp. 329–353.

Brunetto, M. A. et al. (2010) ‘Effects of nutritional support on hospital outcome in dogs and cats’, Journal of Veterinary Emergency and Critical Care, 20(2), pp. 224–231. doi: 10.1111/j.1476-4431.2009.00507.x.

WSAVA (2013). Feeding Guide For Hospitalized Dogs and Cats. Disponível em: <https://wsava.org/wp-content/uploads/2020/08/Feeding-Guide-for-Hospitalized-Dogs-and-Cats.pdf>.Acesso em 16/11/2023

WSAVA, G. V. D. (2011) Nutritional Assessment Guidelines, Journal of Small Animal Practice. Available at: https://wsava.org/wp-content/uploads/2020/01/WSAVA-Nutrition-Assessment-Guidelines-2011-JSAP.pdf. Acesso em 16/11/2023

NewsLetter

Cadastre-se agora e receba nossos boletins e atualizações em seu email. 

Integração
Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!