Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Marketing e Produtos

Royal Canin investe em projetos sociais inovadores no Brasil

Ações reforçam o compromisso da empresa em promover Um Mundo Melhor para os Pets
Por Equipe Cães&Gatos
foto-projetos
Por Equipe Cães&Gatos

A Royal Canin está dedicando recursos em projetos sociais que enfatizam os benefícios da interação entre humanos e animais. Estes projetos atuam em parceria com a medicina e em benefício da comunidade, incluindo apoio na detecção precoce do câncer de mama e na Terapia Assistida por Animais (TAA). 

É o caso do MEDICÃO, associação que oferece suporte à saúde mental com cães terapeutas treinados para fornecer conforto, apoio emocional e interação positiva em hospitais e clínicas de saúde do Estado de São Paulo de forma gratuita. “Estudos científicos revelam que a utilização de cães no ambiente terapêutico é positiva nas reabilitações e melhoram sensivelmente a qualidade de vida dos pacientes, além de também impactar diretamente todo o ecossistema do hospital (médicos, enfermeiros, corpo administrativo e etc.). Temos orgulho em apoiar um projeto com essa magnitude”, conta a diretora de Assuntos Corporativos da Royal Canin Brasil, Carla Pistori.

Projeto MEDICÃO oferece suporte à saúde mental na promoção da terapia assistida por animais (Foto: divulgação)

A empresa é parceira do projeto MEDICÃO Brasil há mais de 20 anos. Além deste projeto, a companhia também apoia outras iniciativas que desempenham um papel importante na melhoria das condições físicas e emocionais de inúmeros pacientes. São elas: 

KDOG: o projeto é resultado de uma parceria firmada com a Sociedade Franco-Brasileira de Oncologia (SFBO) em 2019, e realiza um trabalho pioneiro no país em prol da prevenção do câncer de mama. Com cães das raças Pastor Holandês, Pastor Belga Malinois e Pastor Alemão e baseado no princípio da odorologia canina, o KDOG usa um método não tecnológico e não invasivo para detectar mais de 40 tipos de câncer de mama em estágio inicial em mulheres e homens, através do olfato. O trabalho tem o objetivo de contribuir significativamente na detecção precoce da doença, antecipando assim o acesso ao exame de mamografia, para oferecer melhor qualidade de vida às pessoas. 

IBETAA: o Instituto Brasileiro de Educação e Terapia Assistida oferece assistência gratuita a crianças com disfunção cognitiva, emocional ou físico-motora, com a participação de cães terapêuticos como instrumentos facilitadores no ambiente escolar e clínico. Seu diferencial é a inserção do pet como “coterapeuta”, ao lado de profissionais das áreas da saúde e educação, de maneira a ajudar pacientes que, no atendimento convencional, possuem mais dificuldade. Outro projeto em destaque do IBETAA é o “Cão de Assistência Judiciária”, uma iniciativa pioneira que ajuda crianças e adolescentes vítimas de abuso, maus-tratos e abandono por meio de amparo emocional durante depoimentos e audiências judiciais, proporcionando um ambiente mais acolhedor e seguro. 

A Royal Canin está determinada a avançar em direção a um futuro mais responsável socialmente. Por isso, segue investindo em projetos de responsabilidade social que fortalecem os benefícios dos pets na vida dos humanos. “Apoiamos ações que ajudam a ressaltar a importância do pet na vida do ser humano, seja pela interação humano-animal, e até mesmo reforçando seu importante papel para a medicina e a sociedade”, completa Carla.

Para conhecer mais as iniciativas da Royal Canin, acesse o site.

Fonte: Royal Canin, adaptado pela equipe Cães e Gatos.

LEIA TAMBÉM:

Você está preparado para lidar com a adolescência do seu cão?

Oito em cada dez brasileiros reivindicam proibição de testes cosméticos em animais

Veterinária desvenda mitos, verdades e a influência da vermifugação no bem-estar

Compartilhe este artigo agora no