in

São Paulo recebe prêmio “cidade amiga dos animais 2020”

Premiação, que conta com o apoio de várias entidades, avalia cidades da América Latina

Premiação, que conta com o apoio de várias entidades, avalia cidades da América Latina

Uma das vencedoras do prêmio “Cidade Amiga dos Animais – melhores práticas no manejo humanitário de cães e gatos” 2020, cujo resultado foi anunciado no dia 19 de outubro, foi São Paulo. A iniciativa foi criada pelo programa mundial Animais em Comunidades da World Animal Protection, em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), com o objetivo de identificar e reconhecer as melhores estratégias utilizadas pelos governos de cidades da América Latina para lidar com as populações de cães e gatos.

Neste ano, o trabalho realizado pela Coordenadoria de Saúde e Proteção ao Animal Doméstico (Cosap), da Secretaria Municipal da Saúde, concorreu em cinco categorias, com seis inscrições:  Estruturas e políticas efetivas e sustentáveis;  Controle da densidade populacional e da taxa de renovação; Bem-estar dos animais em situação de rua; Guarda responsável de animais; Ideia inovadora para promoção do bem-estar por meio de ações do manejo de populações de cães e gatos.

A capital paulista ficou em segundo lugar na pontuação geral do prêmio e foi vencedora na categoria “Ideia inovadora para promoção do bem-estar por meio de ações do manejo de populações de cães e gatos”. Em 2019, a cidade ficou em terceiro lugar na premiação. A vitória é o reconhecimento aos esforços da cidade para a adaptação, implantação de boas ideias e manutenção de boas práticas de bem-estar animal durante a pandemia do coronavírus.

Mereceu destaque para a conquista da premiação por São Paulo a implantação de recursos que, em plena pandemia, mantiveram o acesso a benefícios capazes de melhor qualidade de vida à população de cães e gatos. Entre essas inovações, estão a solicitação on-line para castração, a triagem on-line para adoção de animais, a inauguração do hospital público veterinário da Zona Sul, a doação de 13 toneladas de ração para animais em situação de vulnerabilidade e a implantação do Cartão Cuida Bem Idoso. O Cartão oferece aos animais adotados no Centro Municipal de Adoção, com mais de oito anos de idade, atendimento prioritário e vitalício nos hospitais veterinários públicos paulistanos, de modo a incentivar a guarda responsável e a adoção de animais idosos. O benefício é válido para tutores que residam na cidade.

A coordenadora da Cosap, Analy Xavier, comemora o resultado: “Com todos os desafios de uma situação de emergência, ganhar nessa categoria reforça um trabalho responsável, atento e ágil de uma equipe dedicada aos animais e à população. Esse prêmio nos enche de orgulho e alegria”.

As dez melhores estratégias avaliadas durante a premiação ganharam as “páginas” de um livro digital, distribuído gratuitamente nas plataformas da World Animal Protection nos países da América Latina. Qualquer município de países da América Latina pode participar do prêmio, representado por seus gestores de repartições públicas que sejam responsáveis pelo desenvolvimento das atividades relacionadas ao manejo de cães e gatos.

A premiação  conta com o apoio do Centro Colaborador da OIE em Bem-Estar Animal e Sistemas de Produção Pecuária do Chile, Uruguai e México, da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), do Instituto Técnico de Educação e Controle Animal (ITEC), do Conselho Federal de Medicina Veterinária e Zootecnia do Brasil (CFMV) e da Associação Mundial de Veterinários de Pequenos Animais (WSAVA).

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

REPRODUÇÃO

Royal Canin realiza fórum internacional veterinário gratuito

CRMV-PE capacita colaboradores e desburocratiza processos