in

TURMA QUE PROMOVEU A FESTA NA KISS SE FORMAM EM VETERINÁRIA EM SANTA MARIA

Colegas mortos na tragédia foram lembrados na cerimônia de formatura

Colegas mortos na tragédia foram lembrados na cerimônia de formatura

As festas de formatura se repetem por todo o País nessa época do ano. Mas para uma turma do curso de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM, Santa Maria/RS) a celebração teve um significado especial. Isso porque muitos deles são sobreviventes do incêndio na boate Kiss, ocorrido na madrugada do dia 27 de janeiro de 2013, que deixou 242 mortos. A tragédia completou quatro anos em 2017. 

A história da 94º turma de Veterinária foi marcada pelo que aconteceu naquela noite. Eles estavam promovendo a festa Agromerados junto com colegas de outros cinco cursos para arrecadar dinheiro para a formatura. Dos 36 formandos, 20 estavam na boate, mas a maioria conseguiu sair de lá. Seis colegas de turma e a esposa de um deles morreram na tragédia. “Nós entramos em 2012 e estávamos ainda no segundo semestre. Em função da greve, estávamos em aula e teve a oportunidade de vender os ingressos para a festa para conseguir dinheiro para a formatura”, disse a sobrevivente Izaura Scherer. 

formatura

Emoção marcou formatura na noite de lembranças e homenagens (Foto: reprodução)

Os colegas que não conseguiram deixar o local foram lembrados com carinho e emoção pelos colegas. Foi exibido um vídeo com uma homenagem para aqueles que não estavam ali se formando, mas que também fizeram parte da história. “Foi um momento muito difícil e, com certeza, o que fez com que nós seguíssemos todos na faculdade, foi a nossa união e a vontade de seguir por eles”, completou Izaura. 

Fonte: G1 Rio Grande do Sul, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

HOSPITAL VETERINÁRIO DA USP REALIZA ATIVIDADES GRATUITAS EM SÃO PAULO (SP)

MAUS-TRATOS CHAMAM ATENÇÃO DA SOCIEDADE PARA O BEM-ESTAR DOS PETS