in

VERÃO FAVORECE O APARECIMENTO DE PULGAS EM CÃES E GATOS

Problema pode ser evitado e combatido se tutor seguir algumas dicas

A pulga é um inseto sem asas, mas capaz de pular grandes distâncias. Pode também se esconder em frestas de pisos e tapetes e permanecer inerte durante meses, sendo muitas vezes imperceptível. A chegada do verão, com altas temperaturas aliadas à umidade, é propícia para “acordá-la”, fazendo com que saia à procura de sangue, atacando os animais, deixando-os irritados e impacientes por causa da coceira, a ponto de levá-los à exaustão, além de transmitir vermes que podem causar anemias. Felizmente, o combate e a prevenção da pulga podem ser feitos por qualquer pessoa, basta seguir algumas dicas para que esse problema fique longe do animal.

Apenas 5% das pulgas ficam no animal, os outros 95% estão no ambiente. Por isso, é importante que o ambiente em que o pet convive e dorme seja constantemente limpo, principalmente se ele tiver carpete ou tapetes.

0501 (1)

Quanto antes as pulgas forem eliminadas do ambiente e do animal, menor serão as chances de proliferação (Foto: reprodução)

Além de se esconderem nas frestas dos pisos e em tapetes e carpetes, os locais de muita circulação de cães, como parques e pet shops, são territórios em que elas podem estar presentes.  Caso seu pet tenha tido contato com animais desconhecidos, é importante que ele esteja com o medicamento antipulgas em dia. No caso dos felinos, esse cuidado é ainda mais importante, por seu comportamento explorador, que pode deixá-los mais suscetíveis.

Quanto antes as pulgas forem eliminadas do ambiente e do animal, menor serão as chances de proliferação. Coceira excessiva, pele irritada e bolinhas amarronzadas entre os pelos, as fezes das pulgas, que podem ser detectadas no local onde dormem, são alguns dos sinais apresentados. No verão ou em ondas de calor, é recomendado tosar o animal para facilitar a visualização do parasita.

Se o cão ou o gato tiver pulgas, é preciso recorrer a tratamentos específicos para esse controle, como pipetas Comfortis da Elanco (São Paulo/SP), que começa a agir em 30 minutos e dura por um mês, além de oferecer apresentações desenvolvidas especificamente para cães e gatos. O fato de ser por via oral e flavorizado facilita a administração e leva a dose exata ao animal, evitando o desperdício.  Em alguns casos de infestação severa, é recomendada uma dedetização no ambiente para ajudar na eliminação de possíveis larvas e ovos do parasita escondidos no ambiente. Por fim, para as casas que têm cachorros e gatos convivendo juntos, é essencial que o tratamento seja feito para ambos, independentemente do animal que trouxe o problema para o local. Dessa forma, o ciclo de infestação é quebrado e todos ficam protegidos das pulgas.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CANAL COM CONTEÚDO EXCLUSIVO PARA ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO É NOVIDADE

FÓRMULA ANIMAL OFERECE PRODUTOS QUE PROTEGEM OS PETS DE ALTAS TEMPERATURAS