in

VETERINÁRIO DEVE SABER COMO SE DESTACAR E GERIR MELHOR SEU NEGÓCIO

Expositores que possuem cases de sucesso estarão presentes na Pet South America

O Brasil é o quarto País com maior população de animais de estimação do mundo. Atualmente, os pets deixaram de ser apenas para companhia e se tornaram membros da família, com cuidados e tratamentos específicos, principalmente com a saúde. Mas, os tutores também exigem atendimento personalizado e atenção especial às suas necessidades, seja durante uma consulta veterinária, banho no pet shop ou na compra de um produto.

Este cenário demostra a força do mercado e as vastas possibilidades de investimento. Em contrapartida, cada ano o setor ganha novas clínicas e pet shops, aumentando a necessidade de diferentes serviços, nichos e atendimentos. Por isso, lojistas, médicos-veterinários e futuros empreendedores devem estar preparados para as críticas e precisam encontrar o diferencial da sua empresa para se destacar da concorrência já esgotada no mercado. Mas, estes processos não são fáceis de realizar sem a devida orientação.

Clínicas de acupuntura, creches, fisioterapia, hotéis, padarias pet e produtos sustentáveis são algumas das novidades do setor que, segundo seus fundadores, nasceram da demanda dos tutores de pets. Visando o destaque dentro de um variado leque de opções, empreendedores apostam em negócios de nicho e focados em especialidades mais recentes, porém que são de extrema importância para a saúde dos animais.

De olho nessas tendências, a Pet South America traz em sua nova edição expositores que possuem cases de sucesso e entidades especializadas em orientação para quem busca inovar dentro do mercado pet.

Confira, no vídeo produzido pela Petsa, como esses novos negócios nasceram e estão alcançando resultados positivos.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LABTEC AGORA FAZ PARTE DA REDE DE ANÁLISES LABORATORIAIS UPSCIENCE

GATOS DEVORARIAM SEUS TUTORES SE FOSSEM DO TAMANHO DE LEÕES