Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Inovação e Mercado

Grupo Brasileish anuncia nova presidente para triênio 2023-2026

Ingrid Menz destaca parceria entre os membros do grupo e menciona seus principais objetivos durante gestão
Por Cláudia Guimarães
Ingrid Menz
Por Cláudia Guimarães

O Brasileish, grupo de estudos sobre leishmaniose animal, anunciou, durante seu XXIV Simpósio Internacional de Leishmaniose Visceral Canina, sua nova presidente: Ingrid Menz.

- PUBLICIDADE -

A profissional se formou em Medicina Veterinária em 1975, pela Universidade de São Paulo (USP), e, logo depois, trabalhou no Instituto Butantã. Fez doutorado na Faculdade de Medicina Veterinária de Hanover (Alemanha) com métodos de diagnósticos para vírus. “Depois disso, fui para o Instituto Veterinário Rhodia Mérieux (Merial/atual Boehringer), onde trabalhei 15 anos no controle de qualidade de vacinas e gerência de produtos para cães, gatos e equinos. E, finalmente, fui para a Fort Dodge (Pfizer/atual Zoetis), onde desenvolvemos a vacina Leishmune, contra a leishmaniose visceral canina (LVC), junto a UFRJ, com a Dra. Clarisa Palatnik de Souza. A partir daí continuei realizando consultorias em estudos clínicos (vacinas, tratamentos e coleiras contra a LVC)”, relembra.

Ingrid Menz
Ingrid Menz se formou em Medicina Veterinária pela USP e, logo depois, trabalhou no Instituto Butantã (Foto: CG)

Gestão unida

Ingrid brinca que, dentro do Grupo Brasileish, existe um rodízio para o cargo de presidência e, agora, chegou sua vez. “Simples assim. Todos nós estamos igualmente envolvidos, somos um grupo coeso que, apesar de diferentes áreas, temos os mesmos objetivos, que são: estudar, trocar informações, divulgar e ensinar. Cada um de nós tem uma expertise. Temos os ótimos clínicos, professores; temos especialistas em diagnóstico, em Dermatologia, em legislação, em parasitologia. Tudo se casa e qualquer dúvida é discutida no grupo”, destaca.

Questionada sobre quais seus principais objetivos enquanto presidente do grupo, como sua área de atuação é estudar vacinas, a veterinária comenta que seria ótimo conseguir, novamente, uma boa vacina contra a leishmaniose em animais de companhia. “Mas também é importante continuarmos testando novos métodos de diagnóstico e obtendo novos produtos para prevenção e tratamento contra a LVC”, adiciona.

Liderança feminina

A presidência de Ingrid no Brasileish chega no mesmo período do anúncio da presidência de uma mulher no Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), maior órgão da classe veterinária. Sobre isso, Ingrid afirma: “Sei que é coincidência, mas sempre estaremos na liderança, visível ou não”, brinca e continua: “Mulheres e homens não têm diferença no saber, só precisamos ser insistentes e mostrar a nossa capacidade”, destaca.

E Ingrid, certamente, é apta e capaz de entregar tudo o que o Grupo Brasileish precisa: “Queremos divulgar o maior conhecimento possível aos veterinários que  são apresentados a esta enfermidade, para que eles possam realizar seu trabalho com correção, exatidão e, principalmente, com amor ao animal e atenção e acolhimento ao tutor”, assegura.

LEIA TAMBÉM:

Inteligência artificial é concorrente desleal para os médicos-veterinários?

Simpósio Brasileish conclui mais uma edição enriquecedora aos participantes

Veterinário lista benefícios de alimentação e petiscos naturais para os pets

Compartilhe este artigo agora no