in

Iniciativa: CRMV-MS lança documentário sobre a produção legal de animal silvestre

Objetivo é conscientizar a população sobre o abate desses animais e sobre a transmissão de doenças

O Conselho Regional de Medicina Veterinária de Mato Grosso do Sul (CRMV-MS), por meio da Comissão Estadual de Animais Silvestres (CEAS), lança um documentário de 12 minutos sobre a produção legal de animal silvestre, com objetivo de frear o abate clandestino de jacarés, que ainda ocorre no Pantanal Sul-mato-grossense.

De acordo com a presidente da CEAS, Dra. Paula Helena Santa Rita, as principais vítimas da predação pela caça no Estado é, justamente, o jacaré do pantanal. “Ainda se propaga muito o consumo da carne do animal abatido na natureza”, adiciona.

Em contraposição à produção sustentável da carne desses animais, em Corumbá (MS), inspirou o CRMV-MS reforçar o papel fundamental de médicos-veterinários e zootecnistas na cadeia produtiva dessa carne exótica.

Apesar de a criação de animais silvestres em cativeiro para fins econômicos ou de conservação seja regulamentada pela Instrução Normativa Ibama nº 7, de 30 de abril de 2015, a caça predatória de jacarés de vida livre ainda ocorre. Caçadores abatem os animais, retiram suas caudas e deixam os corpos boiando nos rios. “O CRMV-MS tem sua função de proteger a sociedade, garantindo que haja um profissional qualificado para trazer a segurança de toda a produção independente do animal”, afirma o presidente do CRMV-MS, Rodrigo Piva.

As imagens dos jacarés boiando foram gravadas na Serra do Amolar, uma das áreas mais afetadas pelos incêndios de 2020, quando surgiu a ideia do documentário. Também foram cedidas imagens da Policia Militar Ambiental (PMA) de Bonito e da UCDB, possibilitando esclarecer a importância da conscientização da população que o abate de animais silvestres na natureza é crime e o consumo de produtos de origem animal não inspecionado pode acarretar a transmissão de doenças.

Confira o vídeo:

Fonte: CRMV-MS, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Veterinárias comentam critérios a serem seguidos em reprodução de animais

UFMG divulga edital para Programa de Residência em Medicina Veterinária 2022

Veterinárias lançam livro que aborda terapêuticas em animais domésticos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

curso on-line

Ministério da Saúde oferece cursos gratuitos sobre Saúde Digital para profissionais

pug

Síndrome dos braquicefálicos pode ser tratada e corrigida por meio de cirurgia