in

Laboratório de Etologia Canina, da Unifesp, lança e-book gratuito sobre relação tutor-cão

Cartilha auxilia no entendimento de questões ligadas ao comportamento canino

O Brasil está entre os países com maior número de animais domésticos. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Produtos Para Animais de Estimação (Abinpet), são 144,3 milhões de bichos de estimação nos lares brasileiros, sendo cães a maior parte (55,9 milhões). A pandemia e a necessidade de distanciamento social contribuíram para que muitos lares abrissem as portas para um cão.

Contudo, se engana quem acha que basta oferecer um canto, comida e água para garantir o bem-estar animal. É preciso compreender alguns aspectos do comportamento dos cães, como aspectos emocionais e de aprendizado importantes para preservar uma relação saudável entre tutor e cão. Foi justamente com esse objetivo que o Laboratório de Etologia Canina, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), acaba de lançar o e-book “Conhecendo Melhor o Seu Melhor Amigo”. A cartilha foi produzida no âmbito do projeto “Relação afetiva entre humanos e pets”, que fez parte do Centro de Pesquisa Aplicada em Bem-estar e Comportamento Humano, financiado pela Fapesp/Natura, do qual a Unifesp fez parte.

Gratuito e de livre acesso, o e-book traz as principais descobertas da ciência canina e aborda sobre vários aspectos que vão ajudar os tutores a entender melhor seus cães de estimação, tornando a relação ainda mais positiva.

Laboratório visa compreender fenômenos comportamentais e interacionais entre cães e pessoas (Foto: reprodução)

“Nossa proposta foi de criar uma cartilha bem didática e lúdica, trazendo informações com base científica para garantir interações adequadas e o bem-estar para ambos. Para isso, abordamos pontos como as formas de comunicação e de interpretação das emoções animal, como os cães aprendem e dicas sobre como evitar problemas comportamentais, itens indispensáveis para a boa convivência entre humanos e cães”, explica a docente e coordenadora do Laboratório de Etologia Canina (LECA) da Unifesp, Carine Savalli Redigolo.

O objetivo do laboratório é desenvolver pesquisas com abordagem etológica para compreender fenômenos comportamentais e interacionais entre cães e pessoas. A linha de pesquisa “Etologia Canina” se dedica a estudar aspectos relacionados à domesticação, habilidades cognitivas e comportamento dos cães e a relação afetiva entre cães e pessoas.

“Essa é uma área de pesquisa multidisciplinar que vêm recebendo muita atenção da comunidade científica, com publicações em periódicos de grande impacto. Agora ainda mais, com a presença cada vez maior dos bichos de estimação em nossos lares, o que demanda a busca do aprofundamento desse tipo de conhecimento”, conclui Carine.

O e-book “Conhecendo Melhor o Seu Melhor Amigo” está disponível neste link.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Veterinária x Direito: advogada reforça o papel do Código de Defesa do Consumidor

Veterinária comenta o que muda com nova lei sobre eutanásia em animais saudáveis

Veterinária de Santos (SP) recebe medalha de reconhecimento profissional por atendimento a pets

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

natal

Tutor deve seguir algumas orientações para ter um final de ano saudável com seu pet

plenária

Gestão: CFMV realiza última sessão plenária do ano e programa calendário para 2022