Cães e gatos logo

Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Clínica e Nutrição

Olhos esbranquiçados em animais idosos podem indicar alguma afecção

As causas são diversas e aí vem a necessidade de conhecer mais sobre o assunto
Por Equipe Cães&Gatos
oftalmologia
Por Equipe Cães&Gatos

É muito bom pensar que, graças aos maiores cuidados destinados aos pets, os animais têm vivido cada vez mais. É importante, então, estar atento a todas as questões que envolvem a saúde dos pets idosos. 

Uma condição que os cães podem apresentar quando idosos é o esbranquecimento dos olhos. Sobre isso, o médico-veterinário, especialista em Oftalmologia Veterinária, membro diplomado pelo Colégio Brasileiro de Oftalmologistas Veterinários (CBOV) e que atua exclusivamente como oftalmologista veterinário, Luiz Felipe de Moraes Barros,  explica que é bastante comum que os animais idosos fiquem com os olhos brancos. 

“Aliás, ficar com os olhos brancos em animais mais velhos é, de certa forma, normal. Em cães e gatos, a partir dos 9-10 anos, começa-se a notar que o cristalino vai ficando mais opaco. Esta alteração chamamos de esclerose do cristalino, que é o envelhecimento fisiológico da lente, semelhante à presbiopia em humanos, que aos 45, 50 anos de idade apresentam dificuldade de enxergar de perto”.

A partir dos 9-10 anos, começa-se a notar que o cristalino do olho dos cães vai ficando mais opaco e isso é normal (Foto: reprodução)

Barros acrescenta que, com exceção do que disse no início desta reportagem, opacidades, em geral, significam alguma alteração ocular. “Inicialmente, há que se entender qual estrutura ocular apresenta opacidade/esbranquiçamento. Por exemplo, algumas opacidades estão localizadas na córnea (porção mais externa e transparente do globo ocular). Estas opacidades podem ser oriundas de cicatrizes, distrofias, inflamações crônicas da córnea, inflamações intra oculares (uveítes), ou as opacidades podem estar localizadas no cristalino. Aí a doença mais comum é de fato a catarata”.

O médico-veterinário oftalmologista do Hospital Petcare, Eduardo Perlmann, conta que essa opacidade ocular que sempre ocorre em animais mais velhos é chamada de “esclerose nuclear”, uma opacidade senil onde a lente dentro do olho fica opaca, mas não atrapalha a visão e não necessita tratamento. “Outra alteração que pode causar olhos brancos é a catarata. A catarata é a opacidade da lente que impede a passagem da luz e leva à cegueira”.

Sendo comum, quais as doenças que podem levar um animal idoso a apresentar olhos esbranquiçados? A médica-veterinária, professora titular da disciplina de Clínica Médica de Pequenos Animais, Farmacologia e Terapêutica do Curso de Medicina Veterinária da UNOESTE, Silvia Franco Andrade, fala que os olhos brancos são opacidades em duas estruturas oculares: “a córnea, com as ceratites que são inflamações da córnea ou edema de córnea; e o cristalino (lente), com cataratas que são opacidades brancas que a luz não passa para a retina e pode perder a visão em estágios avançados,  ou ainda esclerose que é um envelhecimento da lente, mas a luz ainda passa e não há perda de visão”.

Clique aqui para ler a reportagem completa, gratuitamente, em nossa revista on-line.

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Mês do Orgulho: Veterinários comentam episódios vividos dentro da profissão

O que deve mudar na alimentação do paciente oncológico?

CFMV e Concea realizam curso de capacitação na área de experimentação animal

Compartilhe este artigo agora no