in

Organização Mundial da Saúde Animal apresenta estratégia sobre saúde de animais aquáticos

Objetivo é prevenir, em escala global, surtos de doenças animais que prejudiquem a vida abaixo d’água

A Organização Mundial da Saúde Animal (OIE, na sigla em inglês) lançou uma estratégia global sobre a saúde dos animais aquáticos, com o objetivo de proteger a vida debaixo d’água e garantir a sustentabilidade, anuncia a organização.

Para a entidade, uma vez que a emergência de novas doenças é provável de continuar, impulsionada por fatores como as alterações climáticas, as práticas agrícolas insustentáveis ou o comércio não regulamentado, “é crucial” uma gestão cuidadosa da saúde destes animais.

A OIE afirma que, à escala global, os surtos de doenças animais custam à indústria aquícola mais de 6 mil milhões de dólares por ano e põe em causa a fonte de rendimento de cerca de 60 milhões de pessoas.

Nos próximos cinco anos, a entidade pretende reunir diferentes intervenientes (como especialistas, parceiros e o setor privado) para coordenar ações conjuntas em resposta aos desafios do setor aquático.

Mais informações sobre a estratégia de animais aquáticos da OIE estão disponíveis neste link.

Fonte: Veterinária Atual, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Número de animais doadores de sangue está abaixo do necessário para suprir demanda

Câmara Técnica de Medicina Veterinária do CFMV toma posse durante cerimônia

Lei em Campo Grande (MS) permite registro oficial de cães e gatos

(Foto: reprodução)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cuidados pet inverno

Inverno: Pets demandam cuidados especiais por conta das baixas temperaturas

20 anos Hercosul

Trajetória: Hercosul comemora 20 anos contribuindo, com amor, para a alimentação de pets