Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Especiais

Periodontite é a doença mais comum em grupo de gatos durante estudo

Por Equipe Cães&Gatos
Periodontite
Por Equipe Cães&Gatos

O Royal Veterinary College (RVC) realizou um estudo com 18.249 gatos no Reino Unido. Como resultado, a instituição chegou à conclusão de que 15,2% dos felinos naquela região são diagnosticados anualmente com periodontite, por ter sido a doença mais comum entre os animais analisados.

As raças Siamês (18,7%), Maine Coon (16.7%), British Short Hair (15.5%) e Mestiços (15.4%) foram as mais diagnosticadas – e o risco aumentou acentuadamente à medida em que os gatos envelheceram.

De acordo com a pesquisa, os animais com idades compreendidas entre os nove e os 12 anos tiveram 6,7 vezes mais probabilidades de ter um diagnóstico positivo em comparação aos gatos com menos de três anos.

Embora dolorosa, a doença é difícil de identificar porque os gatos desenvolveram hábitos evolutivos de sobrevivência de mascarar a dor crônica de predadores em potencial (Foto: Reprodução)

Além disso, os gatos com periodontite eram muito mais propensos a ter uma série de outras condições de saúde em comparação com gatos sem doença periodontal (risco superior de 1,8 vezes).

Essas descobertas ajudarão os veterinários e tutores a entender e prever melhor a ocorrência desta enfermidade e identificar oportunidades para melhorar a saúde bucal dos gatos.

A doença periodontal causa uma série de problemas de saúde bucal, incluindo inflamação da gengiva, perda de inserção das estruturas de suporte dos dentes, mobilidade dentária e dor. Os estágios iniciais incluem gengivite (inflamação da gengiva), que pode ser revertida com um bom tratamento de saúde bucal. 

No entanto, se não for tratada, a gengivite pode evoluir para periodontite (doença gengival em estágio terminal), que é muito difícil de resolver e pode levar à perda dos dentes.

Embora a periodontite possa ser dolorosa, é difícil identificá-la porque os gatos desenvolveram hábitos evolutivos de sobrevivência de mascarar a dor crônica de predadores em potencial.

Liderado pelo Programa VetCompass do RVC, este é o maior estudo já realizado sobre doenças dentárias em gatos usando registros clínicos veterinários. Esses achados sugerem que a doença periodontal deve ser reconhecida como um dos principais problemas de saúde e bem-estar em gatos. 

O professor associado de epidemiologia de animais de companhia no RVC e principal autor do artigo, Dan O’Neill, disse: “Infelizmente muitas vezes nem percebemos quando nossos gatos estão sofrendo de dor de dente. Este estudo ajuda os tutores a entender como são comuns e graves os problemas dentários dos gatos”.

Fonte: RVC, adaptado pela equipe Cães&Gatos. 

LEIA TAMBÉM:

Projeto de lei propõe incluir gastos veterinários no imposto de renda para pessoa física

Onça-parda resgatada no Paraná recebe cuidados veterinários e é solta na mata 

Profissional explica como a alopecia pós-tosa pode afetar os animais de estimação

Compartilhe este artigo agora no