Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Marketing e Produtos

Royal Canin investe em projetos sociais que reforçam os benefícios da interação humano-animal

Ações estão relacionadas ao suporte à Medicina na detecção do câncer de mama, na promoção da terapia assistida por animais (TAA) e no apoio aos cães de autarquias
Por Equipe Cães&Gatos
projetos
Por Equipe Cães&Gatos

A Royal Canin, empresa que oferece Saúde Através da Nutrição para gatos e cães, reconhece a importância de criar impacto positivo na sociedade por meio de ações que vão além da nutrição, e segue empenhada em abordar questões que impactam a saúde e o bem-estar dos pets, incluindo o desenvolvimento sustentável e a responsabilidade social. 

Para a empresa, viver o propósito de fazer Um Mundo Melhor para os Pets significa promover, na prática, ações que disseminam o conhecimento sobre a guarda responsável de gatos e cães, e incentivar projetos sociais que reforçam a importância do pet na vida das pessoas, seja pelos benefícios da interação humano-animal, ou pelo importante papel que ocupam na sociedade, atuando em prol da medicina e a serviço da sociedade. 

A diretora de Assuntos Corporativos da Royal Canin Brasil, Carla Pistori, destaca que a Royal Canin busca ser um negócio que gera valor não só para os pets, mas também para as pessoas e para o planeta. “É por isso que trabalhamos para construir um negócio sustentável e socialmente responsável. Assim, moldamos nossa atuação em benefício de todo ecossistema. Nosso compromisso considera iniciativas nesses três pilares – pets, pessoas e planeta. Acreditamos que parcerias estratégicas e sólidas são fundamentais para ampliar nosso alcance. Ao unirmos esforços, melhoramos o impacto coletivo e avançamos em direção a um ‘Futuro Melhor para os Pets’, as Pessoas e ao Planeta”, afirma a executiva. 

Atualmente, a companhia mantém um trabalho próximo e contínuo com importantes organizações e projetos do setor. Conheça as parcerias: 

KDOG – Suporte à Medicina na detecção do câncer de mama

Parceria firmada em 2019 com a Sociedade Franco-Brasileira de Oncologia (SFBO) e o KDOG, que realizam um trabalho pioneiro no país em prol da prevenção do câncer de mama. Cães possuem um olfato extremamente aguçado e, quando treinados, podem identificar odores específicos associado a certas condições, como o câncer. Com base no princípio da odorologia canina, o KDOG usa um método não tecnológico e não invasivo para detectar mais de 40 tipos de câncer de mama, em mulheres e homens, em estágio inicial. A detecção envolve o trabalho de cães que cheiram lenços de suor usados anteriormente por pacientes para acelerar o acesso ao mamógrafo. Por meio desse programa, os cães detectores de câncer de mama fornecem um exemplo do que os animais podem realizar em prol da pesquisa científica e da saúde dos seres humanos. 

O projeto “Cão de Assistência Judiciária” é um marco significativo na promoção do bem-estar emocional e recuperação de crianças e adolescentes que sofreram abuso sexual, maus-tratos e abandono (Foto: divulgação)

IBETAA – Suporte à saúde mental na promoção da terapia assistida por animais

Outra instituição parceira é o IBETAA (Instituto Brasileiro de Educação e Terapia Assistida). O projeto oferece assistência gratuita a crianças com disfunção cognitiva, emocional ou físico-motora, com a participação de gatos e de cães terapêuticos como instrumentos facilitadores no ambiente escolar e clínico, promovendo benefícios biopsicossociais decorrentes da interação entre humano e animal. O grande diferencial do serviço disponibilizado à população é a inserção do pet como “coterapeuta”, ao lado de profissionais das áreas da saúde e da educação, de maneira a ajudar pacientes que, no atendimento convencional, possuem mais dificuldade. Outro benefício se refere ao tempo de evolução do assistido, ou seja, maior progresso em menor tempo, tendo como base a motivação do paciente gerada pelo vínculo entre ele e o pet. O Instituto IBETAA busca criar parcerias com hospitais da rede pública de saúde e com entidades de apoio às crianças das cidades de São Paulo (SP) e de Londrina (PR) para oferecer um trabalho humanizado de forma gratuita. 

IBETAA – Projeto Cães de Assistência Judiciária

A Royal Canin tem o orgulho de apoiar o IBETAA no inovador projeto “Cão de Assistência Judiciária”. Desenvolvido por Luciana Issa, fundadora e diretora técnica do Instituto, esta iniciativa pioneira está transformando a maneira como as crianças e adolescentes vítimas de violência são acolhidos e apoiados. O projeto “Cão de Assistência Judiciária” é um marco significativo na promoção do bem-estar emocional e recuperação de crianças e adolescentes que sofreram abuso sexual, maus-tratos e abandono. O adorável cão Bello, da raça Bernese, tornou-se o primeiro ‘Cão de Assistência Judiciária do Brasil’ a atuar em um Tribunal de Justiça. Sua presença não apenas proporciona conforto emocional, mas também desempenha um papel fundamental na redução do estresse e da ansiedade que muitas vezes acompanham essas situações traumáticas. O IBETAA, com sua dedicação à educação e Terapia Assistida por Animais, tem desempenhado um papel vital no treinamento desses cães dentro dos fóruns, inaugurando uma abordagem única e eficaz para apoiar crianças e adolescentes em momentos cruciais de suas vidas. O Cão de Assistência Judiciária desempenha várias funções cruciais, incluindo o fornecimento de apoio emocional durante depoimentos e audiências judiciais, ajudando a construir um ambiente mais acolhedor e seguro.

MEDICÃO – Suporte à saúde mental na promoção da terapia assistida por animais

A Royal Canin é parceria do projeto MEDICÃO Brasil, eleita como uma das principais associações existentes na execução da Terapia Assistida por Animais (TAA), que utiliza cães para fins terapêuticos em hospitais e clínicas de saúde do Estado de São Paulo de forma gratuita. A ação busca dar vida aos resultados de estudos científicos que revelam que a utilização de cães no ambiente terapêutico é uma ideia bem-vinda nas reabilitações. Cada vez mais instituições de saúde têm investido na ideia de que as visitas e intervenções assistidas por animais são práticas inovadoras que melhoram sensivelmente a qualidade de vida dos seus pacientes. Treinados para fornecer conforto, apoio emocional e interação positiva, esses cães desempenham um papel valioso pela melhoria das condições físicas e emocionais de inúmeros pacientes em recuperação. 

Autarquias – Suporte na segurança da sociedade

A marca apoia aproximadamente 80% dos cães de autarquias no Brasil (Guarda Municipal, Polícia Militar, Força Aérea, Fuzileiro Naval, Brigada Militar etc.) com o fornecimento de alimentos e de apoio nutricional adequado, de acordo com as necessidades específicas de saúde e de bem-estar desses animais. O tipo de trabalho, intensidade, duração, condição corporal e temperatura do ambiente ao qual são expostos são fatores que influenciam na dieta desses animais. Desta maneira, a precisão nutricional é de extrema importância para melhorar a qualidade de vida dos cães que trabalham em serviços autárquicos, como forças de segurança, resgate, busca e salvamento, entre outros. 

Para conhecer mais os projetos da Royal Canin no campo da sustentabilidade, acesse o site.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães e Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Pets em condomínios: como garantir a melhor convivência

Lobo-guará é devolvido à natureza após avaliação veterinária

Como desbloquear o potencial do médico-veterinário?

NewsLetter

Cadastre-se agora e receba nossos boletins e atualizações em seu email. 

Integração
Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!