Cães e gatos logo

Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Pets e Curiosidades

Veterinária cita os dez mitos mais frequentes sobre o cuidado com os pets

Informações equivocadas sobre os animais influencia no modo como as pessoas os entendem
Por Equipe Cães&Gatos
foto-pets
Por Equipe Cães&Gatos

Quando se fala em cuidados com os animais de estimação, é comum encontrar uma série de informações conflitantes. No entanto, é crucial distinguir entre mitos e realidades para garantir o bem-estar dos nossos queridos pets. Por essa razão, a médica-veterinária clínica geral de Cães e Gatos no Veros Hospital Veterinário, Monique Beerens Abdul Ghani, elaborou uma lista dos dez mitos mais comuns sobre os cuidados com os animais de estimação.

Um dos maiores mitos é de que mulheres grávidas não podem ter contato com gatos (Foto: reprodução)

1. Cachorro enxerga preto e branco? Na verdade, ainda não há um consenso sobre isso. Alguns estudos sugerem que os cães podem enxergar tons de azul e amarelo, enquanto outros indicam a possibilidade de perceberem tons de vermelho.

2. Gatos são mais ariscos que cachorros? Depende! Acredita-se que isso esteja mais relacionado a personalidade de cada animal, sua criação e ambiente em que ele vive.

3. Gatos não precisam tomar banho? Em geral, sim. Exceto em situações específicas, como banhos medicamentosos ou para raças como o Sphynx, popularmente conhecido como gato pelado.

4. Cachorra tem que cruzar para não ficar doente? Mito. A prevenção de doenças como câncer de mama e piometra, infecção uterina, é feita por meio da castração. Estudos apontam que se a castração das fêmeas for realizada antes do primeiro cio a chance de elas desenvolverem câncer de mama reduz em mais de 70%.

5. Mulher grávida não pode ter contato com gatos? Mito. A toxoplasmose não é transmitida pelo contato com o felino e, sim, o contato com as fezes do animal, caso estas estejam contaminadas. Além disso, é importante reforçar que a doença também é transmitida apenas pela ingestão de carne crua ou mal-cozida contaminada.

6. Cães comem grama quando estão com problemas gastrointestinais? Em alguns casos, sim. Mas, é importante observar outros sintomas como diarreia, vômito e desanimo, e procurar um veterinário, quando necessário.

Com a iniciação correta e monitoramento adequado, cães e gatos podem ser ótimos companheiros, ao contrário do que muitos pensam (Foto: reprodução)

7. Cães e gatos não podem conviver? Mito. Com a iniciação correta e monitoramento adequado, cães e gatos podem ser ótimos companheiros. Mas atenção, vale levar em consideração a personalidade de cada animal.

8. Dividir a cama com animais de estimação pode causar doenças nos tutores? Mito. Desde que o animal esteja saudável e em dia com suas visitas veterinárias, não há riscos significativos.

9. Pets não sentem frio devido à quantidade de pelo que possuem? Verdade. Os pelos funcionam como isolante térmico, mas quando o frio estiver extremo, é importante reforçar essa proteção.

10. Dar ossos de galinha para cães e gatos é certo? Mito. Os ossos de galinha podem representar perigo de obstrução ou perfuração intestinal nos pets, por isso é recomendado evitá-los.

Ao desmistificar ideias erradas e mitos comuns sobre cuidados com pets, é possível garantir que os pets vivam vidas saudáveis e felizes. “Ao educarmos a nós mesmos e aos outros, podemos criar um ambiente onde os cuidados com os animais sejam baseados em fatos e não em falsidades”, ressalta a veterinária.

Assim, assuma o compromisso de cuidar dos seus animais de estimação com informações verdadeiras, oferecendo-lhes uma vida cheia de amor, segurança e genuíno bem-estar. E, sempre que surgirem dúvidas, não hesite em consultar um veterinário para garantir o melhor para o seu melhor amigo.

Fonte: Veros, adaptado pela equipe Cães e Gatos.

LEIA TAMBÉM:

Cuidar da saúde do seu animal de estimação pode resultar em benefícios fiscais

Quais as considerações essenciais ao adotar um animal de estimação?

CFMV redefine identificação de felinos castrados como prática não mutilante

Compartilhe este artigo agora no