Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Marketing e Produtos

Dia da Saúde Ocular levanta debate sobre cuidados com pet

A saúde dos olhos dos cães é fundamental, mas algumas causas afetam os cães mais novos, que precisam de uma atenção especial
Por Equipe Cães&Gatos
doenças oculares dogs
Por Equipe Cães&Gatos

Dia 10 de julho é Dia da Saúde Ocular e, muitas vezes, quando falamos sobre esse assunto no mundo pet, automaticamente se associa à cães idosos. Entretanto, há outras causas que podem acometer cães jovens a ter problemas nos olhos, como doenças genéticas, como a APR (Atrofia Progressiva de Retina) e cataraca congênica, infecções como cinomose, traumas, diabetes, hipertensão e temperaturas mais frias.

- PUBLICIDADE -
O mercado conta com uma série de dispositivos que permitem que esse cães mantenham sua autonomia e segurança (Foto: Divulgação)

Para garantir a saúde ocular de seus companheiros de quatro patas, a veterinária Ana Íris orienta algumas medidas preventivas simples:

  1. Limpeza regular dos olhos: Utilize uma solução oftálmica específica para cães para limpar delicadamente ao redor dos olhos, removendo qualquer sujeira, poeira ou secreções que possam se acumular.
  2. Evite exposição prolongada ao vento e ao frio: Proteja seu cão durante os passeios ao ar livre, especialmente em dias ventosos ou frios, utilizando óculos ou viseira própria para cães, que ajudam a proteger os olhos da exposição direta ao vento e à poeira.
  1. Alimentação balanceada: Uma dieta equilibrada e rica em nutrientes essenciais, como ômega-3 e ômega-6, pode ajudar a promover a saúde ocular do seu cão. Consulte sempre um veterinário para orientações específicas sobre a alimentação do seu animal de estimação.
  2. Visitas regulares ao veterinário: Não negligencie os exames oftalmológicos de rotina. Consultas periódicas com um veterinário podem ajudar a detectar precocemente qualquer problema ocular e iniciar o tratamento adequado o mais rápido possível.

Cuidados com cachorros cegos ou de visão reduzida

Para os cães que já perderam a visão, a médica veterinária orienta cuidados especiais durante o período para garantir seu conforto e segurança, como:

Quando falamos sobre esse assunto no mundo pet, automaticamente se associa à cães idosos, entretanto, há outras causas que podem acometer cães jovens a ter problemas nos olhos (Foto: Reprodução)
  1. Utilização de dispositivos de orientação: O mercado conta com uma série de dispositivos que permitem que esse cães mantenham sua autonomia e segurança, como a Blindog, que fica acoplada à coleira e por vibração informa ao animal a proximidade de um obstáculo.
  2. Proteja-os do vento e da umidade: Se precisar levá-los para fora, proteja-os com roupas adequadas, como um casaco ou uma roupa específica para cães, para mantê-los aquecidos e secos.
  3. Ofereça orientação: Se o doguinho estiver se movendo dentro e fora de casa, mantenha os caminhos claros e consistentes para que ele possa se locomover com mais facilidade, mesmo sem visão. Evite mover móveis ou objetos regularmente para evitar traumas por esbarrões ou choques. Outra opção é investir em dispositivos de orientação.
  4. Supervisão extra: Mantenha uma supervisão extra sobre o cão para garantir que ele não se machuque ao explorar o ambiente, como em pisos escorregadios que podem representar riscos adicionais para cães cegos.
  5. Estimulação mental: A perda da visão pode ser estressante para os cães, especialmente no início. Proporcione atividades mentais e brinquedos que estimulem seus outros sentidos, como o olfato e a audição, para ajudá-los a se adaptar à nova condição.

“Ao adotar essas medidas preventivas e estar atento aos sinais de desconforto ou irritação nos olhos do seu cão, os tutores podem garantir que seus pets desfrutem de uma visão saudável e livre de problemas durante todo o ano”, finaliza a veterinária Ana Íris Batista.

Em casa de dúvidas, consulte um médico-veterinário.

Fonte: Blindog, adaptado pela Equipe Cães e Gatos.

LEIA TAMBÉM:
Nutrição para vidas longas e saudáveis
Veja como hidratar corretamente a pata do seu cão
Por que os gatos miam para humanos? Veja o que diz a ciência

Compartilhe este artigo agora no