Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Pets e Curiosidades

Escovar pelagem mantém saúde e bem-estar do gato

Algumas dicas facilitam garantir experiência positiva ao bichano
Por Equipe Cães&Gatos
A girl combs a cat's fur with a special brush
Por Equipe Cães&Gatos

Além de ajudar a manter a pelagem macia, sedosa e livre de nós, a escovação regular remove os pelos mortos dos gatos, bichos higiênicos por natureza por conta do hábito de se lamber. Por isso, escovar o gato é uma prática fundamental para a saúde e o bem-estar do animal. Entretanto, os pelos soltos podem oferecer alguns riscos à saúde. 

“Ao se lamber, o gato acaba por ingerir os pelos mortos, que podem se acumular no trato digestório, formando as conhecidas bolas de pelo, que podem causar vômitos e até obstruções intestinais”, afirma a médica-veterinária Cinthya Ugliara.

Portanto, escovar o animal frequentemente não é apenas sobre manter sua aparência bonita, mas também desempenha um papel crucial na saúde geral dele. A escolha da escova adequada, por exemplo, é crucial para não machucar a pele do gato. Opte por aquelas com cerdas macias para pelos curtos e escovas mais espaçadas para pelos longos. Isso evita puxões desconfortáveis e ajuda a remover os pelos soltos.

Woman hold British redhead cat and combs it fur at home.
Introduza a escovação quando o gato ainda é jovem para que ele se acostume com o processo (Foto: reprodução)

Introduza a escovação quando o gato ainda é jovem para que ele se acostume com o processo. Comece com sessões curtas e suaves para que o felino associe a uma experiência agradável.

A regularidade na escovação é essencial para prevenir a formação de nós e remover os pelos mortos. Gatos de pelo longo podem precisar de escovação diária, enquanto os de pelo curto podem se beneficiar de escovações semanais.

Antes de usar a escova, acaricie suavemente o gato para ajudá-lo a relaxar. Isso ajuda a criar uma atmosfera positiva e reduz a ansiedade durante a escovação. E atenção: alguns gatos têm áreas mais sensíveis, como a barriga e as patas. Seja especialmente delicado ao escovar essas regiões para evitar desconforto ou arranhões.

Escove no sentido do crescimento do pelo para evitar puxões e irritações na pele do gato. Se encontrar nós, desfaça-os suavemente com os dedos antes de passar a escova para evitar machucados.

Após a escovação, ofereça petiscos ou carinho extra como recompensa. Isso reforça a associação positiva e incentiva o gato a cooperar nas próximas sessões. Observe o comportamento do gato durante a escovação. Se ele estiver muito agitado, demonstrar sinais de estresse ou tentar fugir, interrompa a sessão e tente novamente mais tarde. Respeitar os limites do bichano é crucial para manter a confiança e o bem-estar dele.

Fonte: Terra, adaptado pela equipe Cães e Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Alagamento: o que fazer para proteger os animais

Pet na piscina: siga estas dicas e garanta a segurança dele

Cinco mitos sobre gatos impactam na saúde dos felinos

NewsLetter

Cadastre-se agora e receba nossos boletins e atualizações em seu email. 

Integração
Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!