in

Estudo da CVA Solutions mostra boas avaliações para fabricantes de ração e medicamento pet

Mais de 500 veterinários foram entrevistados por telefone para a elaboração de ranking

O setor pet não foi muito abalado na questão ‘faturamento’ durante a pandemia. Isso se dá por ser um mercado essencial e envolver grande vínculo afetivo entre os donos e seus pets, as clínicas veterinárias e petshops. Mais de 65% se mantiveram estáveis ou aumentaram o faturamento, já que os estabelecimentos permaneceram abertos e os tutores de cães e gatos mantiveram todos os cuidados para com os seus companheiros. Apenas 33% registraram queda de faturamento. 

A informação faz parte dos resultados de uma pesquisa realizada por telefone, com 524 veterinários de São Paulo e Rio de Janeiro, que trabalham em clínicas e petshops visitados por representantes das indústrias de rações e medicamentos. E revelou que os veterinários estão bastante satisfeitos com o trabalho dos representantes e com a qualidade dos produtos fabricados. 

Esse é o quarto estudo realizado pela CVA Solutions, desde 2015. Dentro desse mercado, o veterinário é elemento fundamental, líder de opinião, pois é ele quem recomenda o tipo de ração e de medicamentos, especialmente vermífugos, antipulgas e vacinas. Na maioria das vezes, o consumidor acata a orientação e compra o produto. 

O Brasil possui mais de 78 milhões de cães e gatos domésticos e apresenta o segundo maior faturamento mundial desse setor, atrás apenas dos Estados Unidos. Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria de Produtos Pet, em 2018, o faturamento do setor foi de R$ 20,3 bilhões. 

Para o sócio-diretor da CVA Solutions, Sandro Cimatti, o estudo mostra, também, o crescimento de alguns fabricantes de rações e de medicamentos, além do crescimento do número de veterinários autônomos, que passaram a atender em domicílio, em razão da pandemia. Em 2019 esses profissionais representavam menos de 1% e agora são 4,6% da amostra. 

Entre os veterinários entrevistados, 62,8% trabalham em clínicas veterinárias com petshop e 51,7% são sócios ou proprietários do estabelecimento. “Os veterinários, como líderes de opinião, são muito importantes para os fabricantes de ração e de medicamentos. Por isso, o bom relacionamento entre eles é tão importante”, observa Cimatti. 

Na maioria das vezes, o consumidor acata a orientação do médico-veterinário e, só assim, compra o produto (Foto: reprodução)

Planos de Saúde Pets.

Um fato interessante, que deve estar ligado à pandemia, foi a diminuição da aceitação de planos de saúde para pets nas clínicas veterinárias. Em 2019, 15% delas trabalhavam com os planos de saúde, agora são 9%. O principal plano de saúde continua sendo o Health 4 Pet (Porto Seguro), seguido por Dr. Pet e Nofaro. 

Ração Medicamentosa e Farmácia de Manipulação.

Quase todos (97,7%) os veterinários entrevistados costumam indicar alguma ração medicamentosa, quando existe essa necessidade. As mais indicadas são as da Royal Canin, Premier Pet, Farmina, Hills, Total Alimentos e Purina. 

Outra questão analisada foi a de medicamentos feitos em Farmácias de Manipulação para Pets: 85% dos veterinários costumam prescrever e geralmente indicam a Drogavet, Vet Fórmula, Fórmula Animal e outras. 

Objetivo.

O estudo da CVA Solutions tem por objetivo entender a estrutura de Valor Percebido (custo-benefício percebido) no mercado de rações e medicamentos para cães e gatos, a partir do ponto de vista do veterinário. Além de medir a posição competitiva e diagnosticar possibilidades de criação de vantagem competitiva sustentável pelos fabricantes. O estudo avaliou ainda a Força da Marca, que é a atração menos rejeição perante os veterinários. 

No estudo, foram citados pelos veterinários mais de 20 fabricantes de rações para cães e gatos e mais de 28 fabricantes de medicamentos para cães e gatos.

Nota muito boa entre os 51 segmentos pesquisados pela CVA Solutions.

O setor de rações e medicamentos para Pets é bem avaliado pelos veterinários. Em uma escala de 1 a 10 eles deram nota 8,41, praticamente a mesma de 2019, quando foi 8,42. Dessa forma, PetCare Vets ocupa agora a 14ª posição, entre os 51 segmentos pesquisados pela CVA Solutions. O Valor Percebido para os segmentos pesquisados se baseia na nota de custo-benefício percebido e tem como melhor segmento o de Micro-ondas (nota 8,87) e o pior o de Planos de Saúde (6,93). 

Valor Percebido – Ração para Cães e Gatos. A ração mais recomendada pelos veterinários para cães e para gatos é a Premier, seguida pela Royal Canin e pela Hills Science Diet. Os principais critérios para indicação das rações são o conteúdo nutricional adequado, estudos clínicos, ter uma linha de produtos completa e ter tradição no mercado veterinário. O melhor Valor Percebido (custo-benefício percebido pelos veterinários) em ração para cães e gatos foi atribuído ao fabricante Affinity, com nota 1,05, seguido pela Royal Canin e Farmina. 

Força da Marca – Ração para Cães e Gatos. A maior Força da Marca (a atração menos rejeição perante clientes e não clientes) continua sendo do fabricante Royal Canin, com 32,8%. Em segundo lugar aparece a Hills Science Diet, seguida por Premier Pet. 

Valor Percebido – Medicamentos para Cães e Gatos. Os medicamentos mais recomendados pelos veterinários são vermífugos, antipulgas/carrapaticida e vacinas. O vermífugo mais recomendado para cães e gatos é o Drontal (Bayer), seguido por Vetmax Plus (Vetnil), Endogard (Virbac) para cães e Milbemax (Novartis), para gatos. Entre os antipulgas/carrapaticida, para cães, os mais recomendados são Simparic (Zoetis) e Bravecto (MSD). Para gatos as recomendações são Revolution (Zoetis) e Bravecto (MSD).

Para cães e gatos as vacinas mais recomendadas são da Zoetis, seguida pela MSD e Boehringer.

O melhor Valor Percebido (custo-benefício percebido pelos veterinários) em medicamentos para cães e gatos foi atribuído ao fabricante Avert, com nota 1,08, seguido por Virbac e Vetnil.

Força da Marca – Medicamentos para Cães e Gatos. A maior Força da Marca (a atração menos rejeição perante clientes e não clientes) continua sendo da Agener União (18,7%), registrando bom crescimento em relação a 2019. Em segundo e em terceiro lugar aparecem Ouro Fino e Zoetis. 

RANKING 2021 – RAÇÕES PARA CÃES E GATOS 

Valor Percebido (custo-benefício percebido): 1º Affinity, 2° Royal Canin, 3º Farmina, 4° Total Alimentos, 5º Hills Science Diet, 6º Premier Pet, 7º Purina, 8º Adimax, 9º Special Dog, 10º Mars. 

Força da Marca (% da Melhor – % Pior): 1º Royal Canin; 2º Hills Science Diet; 3º Premier Pet; 4º Farmina; 5º Purina; 6º Total Alimentos; 7º Affinity; 8º Admax; 9º Eukanuba; 10º Hercosul. 

RANKING 2021 – MEDICAMENTOS PARA CÃES E GATOS 

Valor Percebido (custo-benefício percebido): 1º Avert; 2° Virbac; 3º Vetnil; 4º Agener União; 5º Elanco; 6º Zoetis; 7º MSD; 8º Ouro Fino; 9º Boehringer; 10º Organnact. 

Força da Marca (% da Melhor – % Pior): 1º Agener União; 2º Ouro Fino; 3º Zoetis; 4º Bayer; 5º Elanco; 6º Vetnil; 7º Avert; 8º Virbac; 9º MSD; 10º Organnact.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

“Não me deixe esquecer”: veterinários explicam Síndrome da Disfunção Cognitiva

Linfoma alimentar em gatos afeta cerca de 70% dos pacientes diagnosticados com câncer

Veterinários do CRMV-SP afirmam: bom atendimento aos pets deve se estender aos tutores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

estágio Ourofino

Ourofino Saúde Animal anuncia inscrições para programa de estágio

Oportunidade: Programa de Residência 2021 da MSD Saúde Animal abre inscrições