in

Pesquisadora da FCVA-Unesp recebe prêmio principal patrocinado pela PremieRpet

Premiação ocorreu no V Workshop Nutrição e Nutrologia de Cães e Gatos, no dia 10 de maio

Conhecimento nunca é demais e, além de trazer benefícios, traz, também, oportunidades. Maria Eduarda Tozato, da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, da Universidade Estadual Paulista (FCVA-Unesp), foi a vencedora da premiação principal do V Workshop Nutrição e Nutrologia de Cães e Gatos, que ocorreu dia 10 de maio, em formato híbrido (virtual e presencial em Campinas-SP). O evento é realizado em conjunto pela Sociedade Brasileira de Nutrição e Nutrologia de Cães e Gatos (SBNutriPet), que integra o corpo técnico do Colégio Brasileiro de Nutrição Animal (CBNA).    

O prêmio principal entregue a Maria Eduarda foi patrocinado pela PremieRpet e intitulado “Prêmio PremieRpet”. Ele premia não só o autor do trabalho científico, mas, também, o professor orientador.  

Para a autora, essa premiação é um grande reconhecimento ao trabalho que foi desenvolvido na Universidade
(Foto: divulgação)

A PremieRpet concedeu uma viagem para participação no Congresso Anual da European Society of Veterinary & Comparative Nutrition (ESVCN) de 2022 ou no ACVIM de 2022. A premiação inclui passagem aérea em classe turística (ida e volta), seguro viagem, hospedagem e inscrição para o evento.

A pesquisa científica foi intitulada “A Relação Amido: Proteína e a Umidade do Alimento Influenciam o Balanço Hídrico e a Supessraturação Urinária para o Oxalato de Cálcio e Estruvita em Gatos”.  

Para a autora, essa premiação é um grande reconhecimento ao trabalho que foi desenvolvido na Universidade, no Laboratório de Pesquisa em Nutrição e Doenças Nutricionais de Cães e Gatos “Prof. Dr. Flávio Prada”. “Para os alunos, esse reconhecimento é um incentivo à pesquisa em cães e gatos e que nos permite a busca de mais respostas na ciência”, declara.  

Maria Eduarda aproveita para fazer um resumo de sua pesquisa: “Neste trabalho, avaliamos quatro dietas com diferentes relações amido: proteína e diferentes teores de umidade (secas e úmidas) nas características urinárias de gatos adultos”, explica. 

Como comentado pela premiada, urolitíases são comuns na clínica de felinos e alguns casos tornam-se emergências, devido à obstrução que pode causar no trato urinário e, dessa forma, necessitam de procedimentos invasivos ou cirúrgicos para sua remoção. “A nutrição, além de completa e balanceada, deve apresentar características adequadas que podem modular o trato urinário com o intuito de auxiliar na prevenção e no tratamento dessa enfermidade. Apesar de ser muito divulgado os benefícios da alimentação úmida para gatos, os estudos sobre a influência desta na supersaturação relativa da urina são escassos. Nós verificamos que o uso de alimentos úmidos e de alto teor proteico podem ser estratégias interessantes na prevenção de urólitos em gatos”, afirma.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Alguns comportamentos felinos são considerados formas de comunicação com o tutor

CFMV homologa emissão de títulos de especialista em animais selvagens e em endocrinologia

Instituto de Estudos Avançados da USP lança livro sobre comunidades e famílias multiespécies

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

faculdade

Padrão de qualidade: FMVZ-USP inicia processo avaliativo para obtenção de acreditação europeia

junho vermelho

Junho Vermelho: Animais também são doadores de sangue e podem salvar vidas