in

Pet Society investe R$ 35 milhões em construção de nova fábrica

Com a inauguração, empresa gera mais de 200 empregos durante fase crítica de pandemia

Com investimento de R$ 35 milhões de reais, a Pet Society inaugurou sua nova fábrica em Guarulhos (SP). Empresa, agora, passa a ter a indústria mais moderna de toda América Latina no segmento. Além disso, companhia vai gerar 200 empregos diretos e indiretos.

“A nossa planta industrial possui tudo que existe de mais avançado na automação dos equipamentos. Seguimos os preceitos da indústria 4.0 e o uso de IoT (internet das coisas) em todas as nossas operações, com o uso de mais de 100 válvulas Festo de alta precisão e oito reatores. Podemos afirmar que é a fábrica mais moderna do segmento pet em toda América Latina”, explica o presidente da Pet Society, Luciano Fagliari.

Com pouco mais de 7 mil m², a nova estrutura vai triplicar a produção, que passará de 150 ton/mês para 530 ton/mês. Com o novo incremento, a Pet Society chegará a 39 países dos cinco continentes. 

Nova estrutura vai triplicar a produção, que passará de 150 ton/mês para 530 ton/mês (Foto: divulgação)

Crescimento acima da média.

O ano de 2020 não foi fácil para os brasileiros e para a economia como um todo. Porém, a Pet Society viu no aumento das vendas de produtos para o público final (B2C) uma grande oportunidade. Com isso, acumulou o crescimento de 26% em 2020. Número está acima da média do setor (13,05%), segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet).

“Com o isolamento social implementado, diversos tutores deixaram de levar animais para pet shops e passaram a realizar o banho e tosa em casa. Isso resultou no aumento expressivo da venda de produtos de higiene e beleza animal no último ano. Em 2020, foi preciso adaptar a nossa operação e estratégia, aumentando os investimentos em produtos para o consumidor final. Com isso, fomos capazes de reverter em bons resultados o aumento nos números de pets no País e a necessidade de cuidados na própria casa e não mais, mesmo que momentaneamente, em um pet shop”, explica Fagliari.

De olho no aumento do número de animais de estimação e do comportamento do consumidor dos tutores, a marca seguiu investindo em pesquisas e lançou, recentemente, duas inovações nas áreas dermatológica e oftalmológica: o Skb On Complex, um composto de bióticos, prebióticos e posbióticos responsável por manter o microbioma da pele, evitando doenças dermatológicas; e os colírios Vetfresh.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

“Não me deixe esquecer”: veterinários explicam Síndrome da Disfunção Cognitiva

Linfoma alimentar em gatos afeta cerca de 70% dos pacientes diagnosticados com câncer

Veterinários do CRMV-SP afirmam: bom atendimento aos pets deve se estender aos tutores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dieta de cães-guia deve levar em consideração o oferecimento de petiscos

estágio Ourofino

Ourofino Saúde Animal anuncia inscrições para programa de estágio