in

Setor pet apresentou crescimento de 15% na venda de produtos em 2020

Análise da Comac reforça resiliência e importância do mercado voltado aos animais de companhia

O mercado pet, assim como muitos outros, enfrentou dificuldades em meio ao período de pandemia em que vivemos. No entanto, com resiliência e um ano depois, já observa sinais positivos de que conseguiu contornar a situação.

Segundo o balanço de 2020 da Comissão de Animais de Companhia (Comac) do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal (SINDAN), setor acelera recuperação com crescimento de 15% na venda de produtos para saúde animal. Levantamento ainda indica crescimento expressivo de todas as categorias de produtos pet.

“O faturamento bruto do setor foi de R$ 5 bilhões em 2020, valor 15% superior ao ano anterior. Esse é um dado otimista já que tantos setores enfrentaram uma grande queda no mesmo período. O levantamento também mostra que todas as categorias de produtos pet tiveram crescimento expressivo, com destaque para ectoparasiticidas (24%), produtos terapêuticos (22%), vacinas (16%) e produtos dermatológicos (15%), fechando uma média de 19,25%”, explica a Comac.

E, mesmo com incertezas econômicas, as previsões da Comissão estimam que o setor cresça dentro da sua base histórica de 15 a 18% em 2021, principalmente por conta do estreitamento de laços afetivos entre os tutores e os pets. “O número corresponde a quase o dobro do crescimento mundial de 2020, que foi de 6,1%, segundo estimativas da Global Market Insights”, destaca.

20 anos Hercosul
Durante 2° trimestre de 2020, setor apresentou queda de cerca de 30% no faturamento, com melhora no segundo semestre do ano (Foto: reprodução)

Um olhar ainda mais atento

A fim de compreender melhor o comportamento no setor no último ano, em breve a Comac lançará uma nova edição da pesquisa Radar Pet, com as principais informações sobre os hábitos dos tutores e tendências do mercado.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Fim da reprodução de braquicefálicos: será, de fato, possível esse marco na Veterinária?

Felinos: Associação americana atualiza diretrizes para cuidados com gatos geriátricos

Médicos-veterinários têm papel fundamental na prevenção de novas pandemias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ensino medicina veterinária

CFMV defende ensino presencial e exame nacional para egressos da Medicina Veterinária

Estado do Paraná institui Comitê Gestor da Fauna Silvestre Vitimada (CGFAU)