Buscar na cães e gatos

Pesquisar
Close this search box.
- PUBLICIDADE -
Clínica e Nutrição

Veterinário explica como entender os nutrientes no rótulo dos alimentos de cães e gatos

Por Equipe Cães&Gatos
ingredientes
Por Equipe Cães&Gatos

Assim como para os humanos, uma alimentação completa e balanceada faz toda a diferença também na vida dos cães e gatos. E os tutores buscam, cada dia mais, alimentos que promovam saúde, longevidade e bem-estar para o pet ao longo de toda a vida. Mas, afinal, como escolher o melhor alimento para nutrir de verdade o melhor amigo? 

O primeiro passo é “decifrar” cada um dos ingredientes que aparecem no rótulo do alimento. “Os tutores devem ficar atentos à composição do alimento, optando sempre que possível por produtos com nutrientes de alta qualidade e que atendam às especificidades do pet”, indica o médico-veterinário mestre em nutrição de cães e gatos e supervisor de Capacitação Técnico-Científica da PremieRpet, Flavio Silva. 

Ele alerta que um alimento completo para cães e gatos deve garantir a quantidade adequada de proteínas, gorduras e carboidratos, e explica a função de cada um desses nutrientes no organismo do pet. 

Os alimentos de alta qualidade, oferecidos nas quantidades adequadas, proporcionam a cães e gatos uma nutrição ótima ao longo de toda a vida (Foto: divulgação)

Principais nutrientes que devem ser observados no alimento pet 

Proteínas: Elas fazem parte da estrutura do organismo, regulam o metabolismo e compõem o sistema imunológico. Para os cães, o ideal é que a proteína represente no mínimo 22% do alimento, enquanto para os gatos, no mínimo 33%. Animais em fase de crescimento ou de reprodução devem receber uma quantidade de proteína maior do que o recomendado para um desenvolvimento saudável. Um bom alimento é composto por diferentes fontes de proteína com alta digestibilidade, e a falta desse nutriente nos pets pode causar letargia, perda de massa muscular e diminuição da função dos órgãos.

· Origem animal: farinha de vísceras de frango, ovo desidratado, proteína isolada do suíno, proteína hidrolisada de frango, farinha de peru, farinha de salmão, atum, salmão, carne.

· Origem vegetal: farelo de glúten de milho, glúten de trigo e proteína isolada de soja. 

Gorduras: A gordura é fonte de energia e de ácidos graxos essenciais (ômega 3 e 6), compõe a membrana das células e dá sabor ao alimento. Cães e gatos apresentam alta capacidade para digerir e metabolizar esse nutriente, ou seja, o acúmulo de gordura ocorre somente quando a ingestão é maior do que a indicada. Para os gatos, o alimento deve ter um teor mínimo de 9% de gorduras e, para os cães, 5,5%. A deficiência do nutriente pode ocasionar alterações dermatológicas, distúrbios cognitivos e alterações reprodutivas.

· Origem animal: óleo de peixe (ômega 3), gordura de frango (ômega 6) e banha suína.

· Origem vegetal: óleo de soja, óleo de linhaça e óleo de borragem. 

Carboidratos: Fonte primária de glicose, o que ajuda a providenciar energia para o pet e aumenta o tempo de saciedade. O carboidrato é um nutriente saudável desde que presente em quantidades moderadas e na proporção correta em uma dieta equilibrada com proteínas e gorduras. Nos alimentos para os pets, esse nutriente pode representar até 60% dos nutrientes.

· Origem vegetal: quirera de arroz, milho integral moído, arroz integral, trigo integral moído, cevada, farinha de ervilha, trigo em grão. 

Além disso, alimentos classificados como Super Premium e Premium Especial possuem, também, os chamados ingredientes funcionais, ou seja, nutrientes que quando consumidos produzem benefícios extras à saúde. Entre eles, destacam-se:

· MOS, FOS, GOS: prebióticos que promovem maior equilíbrio e saúde intestinal e melhoram o aproveitamento dos alimentos.

· Hexametafosfato de sódio: promove a saúde oral, reduzindo a formação de tártaro e prevenindo o mau hálito.

· L-carnitina: facilita a queima de gordura pelos tecidos musculares.

· Condroitina e glicosamina: fazem a manutenção da articulação, sendo matéria prima para a reparação e saúde articular.

· Beta-glucano purificado: estimula o sistema de defesa e promove efeito anti-inflamatório nas articulações.

· Gelatina hidrolisada: fonte de colágeno para as articulações.

· BCAA: auxilia no ganho de massa muscular e diminui o dano muscular após exercícios.

· Extrato de Yucca: reduz o odor das fezes.

Silva reforça que os alimentos de alta qualidade, oferecidos nas quantidades adequadas, proporcionam a cães e gatos uma nutrição ótima ao longo de toda a vida. “Tutores que têm o cuidado de oferecer um alimento super premium para seus pets, sem dúvida estão garantindo a eles uma vida mais longa, saudável e feliz”, finaliza.

Fonte: AI, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Médica-veterinária recebe honraria pelos trabalhos voltados à proteção animal

Veterinária que cuida e pesquisa serpentes comenta suas principais realizações profissionais

Apesar de decreto estadual, CRMV-SP recomenda uso de máscaras em clínicas veterinárias

Compartilhe este artigo agora no