in

Colégio de Nefrologia e Urologia Veterinária foi habilitado para conceder Título de Especialista

Após decisão do CFMV, instituição poderá fornecer documento com validade de cinco anos aos veterinários

No final do ano de 2021, a Diretoria Executiva e os conselheiros do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) reuniram-se para a realização da 354ª Sessão Plenária Ordinária em Brasília. O intuito foi decidir a habilitação do Colégio Brasileiro de Nefrologia e Urologia Veterinárias (CBNUV) para concessão de Título de Especialista. De maneira unânime, os órgãos responsáveis aprovaram o pedido.

De acordo com as informações divulgadas pelo CFMV, “a entidade apresentou a documentação relacionada no artigo 5º da Resolução CFMV nº 935/2009 e, após a publicação de resolução específica, estará habilitada a conceder Título de Especialista por cinco anos, podendo, o veterinário, solicitar renovação. Para obter a habilitação, a entidade comprovou estar formal e regularmente constituída há, pelo menos, cinco anos e congregar profissionais de, pelo menos, cinco unidades da Federação”.

CFMV aprova habilitação de título de especialista para o Colégio de Nefrologia e Urologia veterinária
A entidade comprovou estar formal e regularmente constituída há, pelo menos, cinco anos (foto: reprodução)

Processo eletrônico

Para a melhoria dos trabalhos realizados, a diretoria e os conselheiros passaram por treinamento de gestão do Sistema Unificado de Administração Pública (SUAP). O programa foi implantado no dia 03 de janeiro deste ano e visa modernizar a tramitação de documentos e processos na autarquia de forma eletrônica.

“Além de agilizar os trabalhos e a interação entre os servidores, a iniciativa contribui para aumentar a produtividade, reduzir custos com impressão, materiais de expediente e espaços de armazenamento de documentos”, explicou o presidente do CFMV, Francisco Cavalcanti de Almeida.

De acordo com Cavalcanti, o sistema possibilita o suporte, a produção, edição e assinatura eletrônica de documentos internos e recebimento dos externos para a tramitação eletrônica e ágil entre as áreas. O objetivo é implantar o sistema em todas as regiões para facilitar o trabalho e a integração virtual.

Entretanto, no momento, o Sistema tem implantado a parte de documentação, mas o SUAP possui outros módulos para gestão interna de pessoas, como, ponto eletrônico, protocolo e patrimônio. 

Fonte: CFMV, adaptado pela equipe Cães&Gatos VET FOOD.

LEIA TAMBÉM:

Nas redes sociais, veterinário deve tomar cuidado para não ferir Código de Ética Profissional

Reflexo da pandemia na gestão das carreiras indica período de transformação

Faculdade de Veterinária da UFRGS se destaca em ranking mundial de universidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pulga

Biovet lança Defend Pro, que protege os animais de companhia contra pulgas e carrapatos

Corpo de Bombeiro é acionado no Estado do Ceará para resgate de animais silvestres